• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Brasileiros ficam em 6º na prova de revezamento da maratona aquática no Mundial

Esportes

Brasileiros ficam em 6º na prova de revezamento da maratona aquática no Mundial

Budapeste - A equipe de revezamento do Brasil de cinco quilômetros terminou em sexto lugar a disputa da prova nesta quinta-feira no Mundial de Esportes Aquáticos, que está sendo realizado no Lago Balaton, que fica a cerca de 130 quilômetros a sudoeste de Budapeste, sede do evento.

O quarteto formado por Allan do Carmo, Viviane Jungblut, Ana Marcela Cunha e Fernando Ponte finalizou a prova em 55min196s60, a 1min13s70 do time da França, que levou o ouro com 54min05s90 e contava com dois campeões desta edição do Mundial, Aurélie Muller e Marc-Antoine Olivier.

A medalha de prata ficou com os Estados Unidos, que teve a campeã Ashley Twichell no seu time e cravou 54min18s10. E o pódio foi completado pelo quarteto italiano, que marcou 54min31s00.

Na definição da estratégia, a equipe brasileira optou por abrir a prova com Allan do Carmo, que foi seguido por Viviane, Ana Marcela e Fernando. "É uma sensação diferente porque no revezamento você tem a responsabilidade de nadar por você e pelos outros da equipe. Com certeza aqui cada um deu o seu melhor. O Brasil foi muito bem. A gente aprendeu muito com a prova de hoje porque cada detalhe e a montagem da equipe faz a diferença. Foi um aprendizado muito grande. Só tenho que dar os parabéns a todos os atletas. Fomos vitoriosos", disse Allan.

Ana Marcela, que já conquistou duas medalhas de bronze nesta edição do Mundial, nas provas de 5km e 10km, criticou a mudança no formato de disputa do revezamento das maratonas aquáticas.

"É diferente. A gente está mais acostumado com longas distâncias. Daí o nome 'maratonas aquáticas'. Não sou muito a favor com 1250 porque isso privilegia alguns nadadores de piscina. Sou a favor ao formato de quatro atletas, mas na distância de 5km. Sou a favor de uma prova um pouco mais de resistência, que é a nossa prova, mas a gente estava pronto. Demos o melhor. Não saímos com a medalha, mas a sexta colocação pra gente foi muito boa", comentou a brasileira.

As disputas da maratona aquática no Mundial se encerram nesta sexta-feira, com a disputa das provas de 25km masculina e feminina. O Brasil será representado por Ana Marcela, Betina Lorscheitter, Allan do Carmo e Victor Colonese.