• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Dorival Junior elogia Santos e 'grande espetáculo' no Maracanã lotado

  • COMPARTILHE
Esportes

Dorival Junior elogia Santos e 'grande espetáculo' no Maracanã lotado

Rio - Após duas vitórias e uma derrota, o técnico Dorival Junior teve seu primeiro empate na volta ao comando do Santos. Neste domingo, com dois tempos bem distintos, o treinador preferiu comemorar a boa segunda etapa, sem deixar de tentar explicar a razão do fraco futebol apresentado nos primeiros 45 minutos do empate por 2 a 2 com o Flamengo, ocorrido neste domingo à tarde, no Maracanã.

"O Santos foi valente. No primeiro tempo, inexistiu. No segundo, foi diferente. Adiantou a marcação, acreditou na troca de passes", disse Dorival. "Enfrentamos um adversário de alto nível, com 60 mil pessoas empurrando. Ficaram mais coisas positivas do que negativas", afirmou.

O Maracanã lotado também foi elogiado por Dorival. Para o técnico, Santos e Flamengo proporcionaram ao público presente no estádio um "grande espetáculo". "Estamos vendo grandes jogos no Campeonato Brasileiro, como foi Atlético-MG x São Paulo. É isso que queremos", enfatizou.

Um dos principais jogadores no título do Santos no Campeonato Paulista deste ano, Lucas Lima foi o nome decisivo na tarde deste domingo para o Santos. O jogador, que ainda não havia conseguido repetir o desempenho do estadual no Brasileirão, deu a assistência para um dos gols e foi o autor de um golaço, que sacramentou o empate.

"Acho que fizemos um bom segundo tempo. Erramos muito no primeiro e conseguimos mostrar nossa força no segundo. Não desistimos em nenhum momento e a equipe está de parabéns", disse o meia na saída do gramado.

Agora o Santos volta para casa, onde disputará as duas próximas partidas no Brasileirão. Na 17ª rodada a equipe encara o Coritiba na Vila Belmiro. Depois o adversário será o Vasco, também jogando na Baixada Santista. O time ocupa a 15ª posição, a três pontos do Goiás, primeira equipe na zona de rebaixamento.