• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Focado na Copa Libertadores, Palmeiras dá espaço para observar os reservas

Esportes

Focado na Copa Libertadores, Palmeiras dá espaço para observar os reservas

São Paulo - O torcedor do Palmeiras poderá ver de perto uma formação diferente do time no jogo deste domingo contra o Atlético Paranaense, às 16 horas, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, pela 19.ª rodada do Campeonato Brasileiro. A prioridade no confronto desta quarta-feira pelas oitavas de final da Copa Libertadores contra o Barcelona, do Equador, levará o técnico Cuca a promover mudanças em toda a equipe titular e até planejar novos experimentos para quando fizer algumas das substituições no segundo tempo.

O atual campeão brasileiro encerra o primeiro turno de olho na Libertadores, mas atento com a pontuação. Se vencer em casa e chegar aos 35 pontos, terá somente um a menos do que tinha no ano passado. "O Corinthians tem muitos méritos por liderar, não tem o que questionar. O Grêmio também está indo bem. Talvez no segundo turno outros possam fazer um grande turno. Temos tudo para dar uma grande arrancada", afirmou Cuca.

Para se manter entre os quatro primeiros colocados, o Palmeiras vai dar rodagem a jogadores reservas. Muitos deles, no entanto, já estiveram no time principal no passado. São os casos do goleiro Fernando Prass, do zagueiro Edu Dracena, do meia Tchê Tchê e do atacante colombiano Borja. O planejamento de Cuca para a partida já inclui as entradas no segundo tempo de dois jogadores que pretende observar: os meias Hyoran e Moisés, este último recuperado de cirurgia no joelho realizada em fevereiro.

A confiança em alterar o time nas 11 posições se respalda na série de seis jogos sem perder na temporada e na necessidade de precisar reverter o confronto pelas oitavas de final da Libertadores contra o Barcelona, no Equador. A partida de ida, no dia 5 de julho, acabou com derrota por 1 a 0, com o gol sofrido nos acréscimos.

"Preciso mexer no time para dar ao jogador a condição de estar no máximo dele, no ânimo e na parte física, para quarta-feira. Vamos treinar. Se eu puser um time no domingo, não vou poder treinar na segunda-feira. Estamos confiantes que quem entrar terá nível semelhante", disse Cuca. Depois de enfrentar o Atlético Paranaense, o Palmeiras vai viajar para Atibaia. No interior paulista, a equipe vai trabalhar com os titulares em dois períodos nesta segunda-feira, já em atividade voltada para a partida contra o time equatoriano.

Contra o Atlético Paranaense, será a primeira chance de Fernando Prass voltar ao time titular depois de perder a vaga para Jailson antes do jogo contra o Flamengo. "Tenho a mesma confiança nos dois. Quando ele tem uma falha comum, e passa a ser percebido como uma grande falha, é hora de preservar. O Prass tem a liderança, de puxar coro no vestiário. É um cara fantástico. Tinha tudo para estar triste, mas pelo contrário, é um baita de um líder", afirmou.