• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Juventus vira sobre o City na Inglaterra e vence na estreia na Liga

Esportes

Juventus vira sobre o City na Inglaterra e vence na estreia na Liga

Manchester - Atual vice-campeã da Liga dos Campeões, a Juventus começou bem a sua campanha na temporada 2015/2016. Mesmo jogando na Inglaterra, na casa do Manchester City, venceu um dos candidatos ao título, de virada, por 2 a 1. E, mesmo assim, saiu reclamando da arbitragem. Na outra partida do Grupo D, o Sevilla teve três pênaltis a seu favor e venceu o Borussia Mönchengladbach por 3 a 0.

A primeira reclamação da Juventus foi o gol mal anulado de Pogba, aos 11 minutos. Cuadrado cruzou da direita e o francês marcou de peixinho. O árbitro marcou um impedimento inexistente, para revolta dos italianos.

Dois minutos depois, Hernanes apareceu em cobrança de falta que Hart tirou no cantinho. Mas o melhor brasileiro em campo era Fernandinho, que em duas oportunidades arriscou de longe, assustando Buffon.

O gol do Manchester City saiu em lance polêmico. David Silva bateu escanteio, Kompany escalou as costas de Chiellini e o zagueiro marcou contra. Todo o time da Juventus foi para cima do árbitro, que não anotou falta e confirmou o gol.

O time da casa teve grande chance para ampliar três minutos depois, aos 15 do segundo tempo. Sterling recebeu livre na esquerda e chutou rasteiro. Buffon defendeu no contrapé. David Silva pegou o rebote, chutou forte, e o goleiro italiano fez novo milagre.

Provocado pela torcida, uma vez que é formado pelo Manchester United, Pogba calou o estádio aos 25 minutos. Num lindo lançamento desde a meia-esquerda, deixou Mandzukic na cara de Hart para escorar e empatar.

Contratado a peso de ouro, De Bruyne entrou no lugar de Sterling, o City se lançou à frente, mas levou a virada. Faltando cinco minutos para o fim, Cuadrado dividiu com um zagueiro e a bola sobrou para Morata. O espanhol chutou meio desequilibrado, de longe, mas colocou no cantinho direito, sem chances para o goleiro.

SEVILLA VENCE - No outro jogo do Grupo D se enfrentaram dois times que estão na zona de rebaixamento de seus campeonatos nacionais. O Sevilla, que tem dois pontos em três jogos na Espanha, saiu-se melhor. Jogando em casa, fez 3 a 0 no Borussia Mönchengladbach, laterninha do Alemão.

Os dois gols foram marcados de pênalti. O primeiro, com Gameiro, aos 2 minutos do segundo tempo. O francês voltou à marca da cal três minutos depois, mas desperdiçou. Aí, no terceiro pênalti, Banega foi para a cobrança e fez. Konoplyanka errou o cruzamento e mandou direto para o gol para fechar a contagem.