• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Brasil dá show e fica perto da semi do Mundial de Vôlei

Esportes

Brasil dá show e fica perto da semi do Mundial de Vôlei

Milão - A seleção brasileira feminina deu um importante passo para se classificar às semifinais do Mundial de Vôlei, que está sendo realizado na Itália. Nesta quarta-feira, a equipe estreou no Grupo H, válido pela terceira fase da competição, com uma fácil vitória sobre a China por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/16 e 25/15, em partida disputada no Mediolanum Forum Assago, em Milão.

O resultado deixa o Brasil com ótimas chances de classificação para as semifinais, que pode ser assegurada nesta quinta-feira, mesmo que o dia seja de folga, com o confronto entre China e República Dominicana pelo Grupo H. Afinal, uma derrota ou até mesmo uma vitória em cinco sets das chinesas garante as brasileiras nas semifinais. Além disso, o triunfo desta quarta-feira ampliou a excelente campanha da seleção, agora com dez vitórias em dez partidas disputadas na competição.

De qualquer forma, o Brasil ainda terá um outro compromisso pela terceira fase do Mundial. Na próxima sexta-feira, às 12h30 (horário de Brasília), as brasileiras vão enfrentar a República Dominicana. As duas primeiras colocadas da chave se classificam para as semifinais, assim como acontece no Grupo G, composto por Itália, Estados Unidos e Rússia.

Nesta quarta-feira, José Roberto Guimarães escalou Dani Lins, Sheilla, Fernanda Garay, Jaqueline, Fabiana e Thaísa, como titulares, além da líbero Camila Brait. E o treinador promoveu as entradas de Gabi, Fabíola e Tandara durante o confronto. Fernanda Garay foi a principal pontuadora da partida, com 16 acertos, com um a mais do que Jaqueline e dois a mais do que Thaísa. Zhu marcou dez pontos e foi o destaque da China.

No começo do primeiro set da partida, o Brasil apresentou dificuldades na defesa e no ataque, o que levou a China a abrir 5/2. A seleção, porém, reagiu rapidamente, foi ao primeiro tempo técnico vencendo por 8/7, abriu 14/11 com o bom desempenho do bloqueio e depois fez 16/13. Com atuação destacada de Jacqueline e ótimo rendimento no saque e contra-ataques, as brasileiras ampliaram a vantagem com naturalidade e fecharam a parcial em 25/19.

Embalado por pontos de bloqueio de Thaísa, o Brasil abriu 5/0 no começo do segundo set e foi ao primeiro tempo técnico liderando o placar por 8/3. As chinesas até diminuíram a vantagem brasileira para 10/9, mas logo a seleção deslanchou. Com boas sequências de Sheilla e Fernanda Garay no saque, a equipe não teve qualquer problema para vencer o set em 25/16.

A terceira parcial não foi menos fácil. Dessa vez, com ótimos ataques de Fernanda Garay e Jaqueline, o Brasil marcou 8/4 e chegou a abrir 10/4. O time foi ao segundo tempo técnico com uma vantagem confortável, de cinco pontos (16/11), que foi ampliada até a seleção brasileira fechar a parcial em 25/15, com o último ponto sendo feito por Thaísa. Assim, o Brail venceu o jogo em 3 sets a 0 e ficou bem próximo da classificação para as semifinais do Mundial de Vôlei.