• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Arsenal e Chelsea decepcionam e são eliminados na Copa da Liga Inglesa

  • COMPARTILHE
Esportes

Arsenal e Chelsea decepcionam e são eliminados na Copa da Liga Inglesa

Sheffield - O dia foi de decepções para os dois maiores times de Londres. O Arsenal e o atual campeão Chelsea foram eliminados de forma precoce na Copa da Liga Inglesa, nesta terça-feira. O time do técnico Arsène Wenger foi quem mais desapontou a torcida ao levar 3 a 0 do modesto Sheffield Wednesday, da segunda divisão, pelas oitavas de final. Em má fase, o Chelsea sofreu para empatar com o Stoke City por 1 a 1, mas acabou derrotado nos pênaltis.

Jogando fora de casa com time misto, o Arsenal foi totalmente dominado pelo Sheffield. E praticamente não esboçou reação após levar o gol de Ross Wallace aos 28 minutos, em boa triangulação do ataque anfitrião. Sem Oxlade-Chamberlain, machucado logo aos 5 minutos de jogo, o time de Wenger não conseguia ameaçar o gol do adversário.

Enquanto isso, o goleiro Petr Cech sofria com as falhas da zaga do Arsenal. Aos 40, Lucas João anotou, de cabeça, o segundo gol dos anfitriões, após cruzamento da esquerda. A etapa final não trouxe mudanças para o jogo. O Sheffield seguia melhor e aproveitou nova oportunidade para sacramentar a vitória.

Em cruzamento na área, aos 8 minutos, Sam Hutchinson dividiu com a zaga na pequena área e anotou o terceiro gol dos donos da casa. O gol acabou sendo marcado pela defesa do Arsenal, mas a arbitragem anotou o gol para Hutchinson. Os visitantes buscaram o ataque na metade final do segundo tempo, sem sucesso. Na melhor chance, Mertesacker cabeceou com perigo na área, mas o goleiro Wildsmith fez grande defesa.

Também jogando fora de casa, o Chelsea começou atrás no placar, ao levar o gol de Jonathan Walters. Aos 8 minutos do segundo tempo, ele dominou rápido, fora da área, e acertou lindo chute, sem chance para o goleiro Asmir Begovic. Em desvantagem, o time de José Mourinho foi para cima e desperdiçou chances incríveis, como a que perdeu Ramires, ao driblar o goleiro e finalizar para fora.

A pressão aumentou nos minutos finais, até que Remy aproveitou sobra na área, após escanteio, e encheu o pé para empatar o jogo, nos acréscimos. Antes do apito final, o Stoke City perdeu Phil Bardsley, expulso por levar o segundo cartão amarelo.

O duelo, então, foi para a prorrogação. Mas as duas equipes não balançaram as redes. Com a igualdade mantida no placar, o duelo foi decidido nas penalidades. Willian e Oscar converteram suas cobranças, porém Eden Hazard perdeu a última finalização do Chelsea e decretou a eliminação do time na Copa da Liga Inglesa, pelo placar de 5 a 4 nos pênaltis. A queda deve aumentar a pressão sobre Mourinho, criticado também pela fraca sequência da equipe no Campeonato Inglês.

Em outros duelos desta terça, Everton e Hull City avançaram às quartas de final. Eles eliminaram o Norwich City e o Leicester City com placares semelhantes. Ambos os jogos ficaram empatados por 1 a 1 no tempo normal, e sem gols na prorrogação. O Everton bateu o rival por 4 a 3 nos pênaltis, enquanto o Hull City venceu por 5 a 4.