• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Luverdense ganha por 3 a 2 em casa e decreta a quinta derrota seguida do Paraná

  • COMPARTILHE
Esportes

Luverdense ganha por 3 a 2 em casa e decreta a quinta derrota seguida do Paraná

Lucas do Rio Verde (MT) - O Paraná decretou de vez a crise no Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta terça-feira, perdeu para o Luverdense por 3 a 2, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT), e completou cinco derrotas consecutivas nesta 29.ª rodada. Do outro lado, o elenco mato-grossense continua na briga por uma vaga no G4, mas ainda segue distante do quarto colocado.

Isso porque Londrina e Avaí também venceram nesta rodada e chegaram aos 48 pontos, fechando a zona de acesso à Série A de 2017 - a vitória levou o Luverdense aos 42. Mais abaixo, o Paraná se manteve com 33 pontos e só não caiu na tabela de classificação porque todos os concorrentes diretos também perderam: Bragantino (27), Tupi (26) e Joinville (25), e Oeste, que perdeu por 1 a 0 para Vila Nova, e continua com 31 pontos, em 16.º lugar.

Em uma pressão na saída de bola, o time da casa abriu o placar aos 17 minutos de jogo. Na ala direita, Moacir ganhou da marcação, esticou demais a bola, mas conseguiu o cruzamento já na linha de fundo. Alfredo se movimentou e bateu mascado com o pé direito. A bola tocou no chão e cruzou toda a pequena área, vencendo o goleiro Marcos, que ficou batido no lance.

Em um repeteco, Alfredo balançou as redes mais uma vez aos 22 minutos. Rafael Carioca perdeu a bola e ela caiu nos pés mais uma vez de Moacir. O lateral venceu Leandro Silva na velocidade e cruzou para a grande área. Pelo alto, o atacante subiu mais que todo mundo e testou no canto esquerdo com força.

A desvantagem no placar acordou o Paraná em busca do resultado. Aos 43 minutos, o time de Curitiba diminuiu com Lúcio Flávio. Em um cruzamento de Rafael carioca, o atacante subiu mais que todo mundo e testou para as redes.

Com seis minutos de bola rolando do segundo tempo, foi o Luverdense quem mexeu no placar. Em uma cobrança de falta pelo lado direito, a zaga afastou para o meio e ela caiu nos pés de Sérgio Mota. Livre de marcação, o atacante arriscou de longe e acertou o ângulo do goleiro Marcos, que até saltou, mas não conseguiu afastar para a linha de fundo.

Mais vez com dois gols atrás no placar, o Paraná conseguiu diminuir a desvantagem aos 16 minutos. De novo pelas laterais, Diego Tavares invadiu a grande área e tentou o passe, mas foi derrubado por Raul Prata. Na cobrança de pênalti, Nadson ajeitou a bola e mandou no canto direito do goleiro Diogo Silva, que saltou para o outro lado e nem apareceu na foto.

Contra a zona de rebaixamento, o Paraná volta a campo neste sábado, pela 30.ª rodada. Desta vez no estádio Durival de Britto, em Curitiba, o time recebe o CRB às 21 horas. No mesmo dia, o Luverdense viaja até São Luis para enfrentar o Sampaio Corrêa no estádio Castelão, às 16 horas.

FICHA TÉCNICA

LUVERDENSE 3 x 2 PARANÁ

LUVERDENSE - Diogo Silva; Raul Prata, Luiz Otávio, Everton e Moacir; Ricardo, Jean Patrick e Douglas Baggio; Sérgio Mota (Raphael Macena), Hugo (Tozin) e Alfredo (Diogo Sodré). Técnico: Júnior Rocha.

PARANÁ - Marcos; Leandro Silva (Válber), Pitty, Alisson e Rafael Carioca; Anderson Uchoa, Wellington Reis (Murilo Rangel), Nadson e Diego Tavares; Henrique (Guilherme Queiroz) e Lúcio Flávio. Técnico: Roberto Fernandes.

GOLS - Alfredo, aos 17 e aos 22, e Lúcio Flávio, aos 43 minutos do primeiro tempo; Sérgio Mota, aos 6, e Nadson (pênalti), aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Raul Prata, Luiz Otávio e Everton (Luverdense); Pitty, Anderson Uchoa, Wellington Reis, Murilo Rangel e Guilherme Queiroz (Paraná).

ÁRBITRO - João Batista de Arruda (RJ).

RENDA - R$ 8.820,00.

PÚBLICO - 1.211 pagantes.

LOCAL - Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT).