• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Fluminense quer encerrar jejum de vitórias e seguir vivo por vaga na Libertadores

Esportes

Fluminense quer encerrar jejum de vitórias e seguir vivo por vaga na Libertadores

Rio - Mesmo sem vencer há cinco jogos, o Fluminense ainda está na briga por uma vaga na próxima Copa Libertadores. Porém, na reta final, o time precisa voltar a ganhar e tem tratado o jogo contra o Cruzeiro, neste domingo, às 17 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, como uma decisão para definir o futuro da equipe no Campeonato Brasileiro.

Com 48 pontos, o time tricolor está na nona colocação e tenta tirar a vantagem de três pontos do Atlético Paranaense, equipe que iniciou esta 34.ª rodada entre os seis primeiros colocados da competição. Eliminado pelo Grêmio na semifinal da Copa do Brasil durante a semana, os mineiros possuem 41 pontos e ainda correm risco de rebaixamento.

Na reta final da competição, o clube tricolor enfrenta o seu maior jejum sem vitórias na temporada. Nos últimos três jogos, o time deixou a vitória escapar no segundo tempo. Contra o São Paulo, vencia o jogo, mas sofreu dois gols na etapa final. Contra o Coritiba, tomou o empate. Por fim, contra o Vitória, o time deixou o triunfo escapar aos 42 minutos, quando sofreu o gol de Marinho.

O momento é de pressão, inclusive com reunião do presidente Peter Siemsen com o técnico Levir Culpi durante a semana. O dirigente fez forte cobrança para que o treinador consiga a vaga para o torneio continental para que o clube tenha maior poder para contratações na próxima temporada.

Com contrato próximo do fim - se encerra em dezembro -, Levir Culpi precisa acumular bons resultados para permanecer no cargo e ganhar a confiança do próximo presidente, que será eleito no dia 26 deste mês.

O treinador tem desviado sobre o assunto e reforça a importância do jogo contra os mineiros. A novidade é o retorno do lateral-esquerdo William Matheus, que desfalcou o time nos últimos três jogos por conta de uma lesão na coxa. O jogador ganha a vaga de Giovanni. Na defesa, o contestado Gum permanece como titular.