• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Brasil joga bem, vence Alemanha e encaminha classificação no Mundial de Handebol

Esportes

Brasil joga bem, vence Alemanha e encaminha classificação no Mundial de Handebol

Kolding - A seleção brasileira feminina de handebol demonstrou força nesta quarta-feira no Mundial da modalidade, que está sendo disputado na Dinamarca. Jogando em Kolding, as atuais campeãs jogaram muito bem contra a Alemanha, venceram por 24 a 21 pela terceira rodada do Grupo C, e encaminharam a classificação para as oitavas de final.

O Brasil havia empatado com a Coreia do Sul na estreia, no sábado, e venceu a frágil República Democrática do Congo na segunda-feira. Na quinta, a seleção é favoritíssima contra a rival Argentina. Depois, na sexta, fecha a primeira fase contra a França, em jogo que deve definir o primeiro colocado da chave. Quem perder, por outro lado, cai para terceiro.

Até aqui a chave segue o previsto, com Brasil, França e Coreia do Sul brigando pelo posto de primeira força (francesas e sul-coreanas também ficaram no empate entre elas), a Alemanha em quarto (atropelou Argentina e perdeu de França e Brasil), a Argentina em quinto e o Congo (ex-Zaire) em sexto, só com derrotas.

Para o Brasil, vencer a Alemanha nesta terça-feira era a consolidação desse cenário. As alemãs não conseguiram vaga no Mundial pelo Europeu e só estão na Dinamarca por convite. Mas, em março, a seleção brasileira perdeu para a alemã em um torneio amistoso.

No Mundial, a vantagem de três gols não demonstra o equilíbrio que foi o jogo, mas deixa claro que o Brasil, que liderou o placar em todos os momentos chaves da partida, está um estágio à frente da Alemanha.

Até 6 a 6, sempre a Alemanha marcou um gol e o Brasil buscou o empate. A virada só veio em 7 a 6, com Duda. Ao fim do primeiro tempo, a seleção vencia por 9 a 8, com três gols de Duda, dois de Jéssica e outros dois de Ana Paula. As três que mais brilharam na quadra.

Na segunda etapa, a Alemanha até chegou a pular à frente, em 12 a 11, mas só ficou dois minutos em vantagem. Faltando 17 minutos para acabar, o Brasil abriu dois gols de vantagem pela primeira vez. A Alemanha marcou em seguida e o jogo seguiu assim, com a vantagem brasileira variado de dois para um gol.

Quando a Alemanha apertou, a goleira Mayssa brilhou, defendendo dois tiros de sete metros (o pênalti do handebol). Com a defesa garantindo atrás, o ataque também funcionou. Com três gols em sequência, de Ana Paula, Duda e Jéssica (sempre elas), o Brasil abriu 23 a 19 e garantiu a vitória.

Duda fez três gols de média distância e, com sete no total, fechou o jogo como artilheira. Jéssica anotou cinco, contra quatro de Fernanda e Ana Paula. Melhor do mundo em 2012, a ponta Alexandra jogou pouco e não marcou gols. Lá atrás, as goleiras também garantiram. Babi fez 11 defesas (38% de aproveitamento) e Mayssa outras quatro (57%).