5 minutos de EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Olá, Pais e Professores Empreendedores!

** CURTA A PÁGINA DO BLOG EDUCAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NO FACEBOOK **

Você está de saída para o trabalho e seu filho pequeno começa a chorar e fazer o maior drama recusando-se a se despedir… O que você faz? Como aproveitar esta situação para uma EDUCAÇÃO MAIS EMPREENDEDORA?

Uma EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA requer o cuidado com muitos aspectos e é pelo DIÁLOGO bem desenvolvido que vamos conduzindo nossos filhos/alunos no bom caminho.

Na experiência que relato abaixo, vivenciada com meu filho Petrus de 2 anos, destaco os seguintes pontos positivos:

– Valorização do trabalho.

– Respeito à inteligência das crianças.

– Importância de ter 5 minutos para conversar.

– O valor de uma boa conversa/explicação.

– Iniciação da educação para o trabalho.

– Iniciação da educação financeira.

Analise a situação:

“Eu estava saindo à noite para dar um treinamento e disse ao meu filho Petrus, agora com 2 anos:

– Vem, meu filho, venha dar tchau pra mamãe… A mamãe está indo trabalhar…

– Não! Não! Não! Não! – Ele se recusou bravo.

– Ô, meu amor… Vamos conversar… Olha aqui prá mamãe…

Ele virou o rosto para o outro lado, evitando me olhar e continuou gritando “Não! Não! Não!”. Vi que era sério. Ele estava realmente sentido. Continuar dizendo que ia trabalhar não renderia bons frutos… E eu fico de coração partido quando tenho que deixá-lo chorando…

Resolvi explicar-lhe as conexões entre as coisas…

(Nessa hora a gente descobre o valor de 5 minutos!)

Como eu havia comprado roupas e sapatos para a festinha de aniversário dele que aconteceria no próximo final de semana, conduzi-o à reflexão.

Parei tudo e disse:

– Ok. Não precisa dar tchau agora… Vamos falar de outra coisa… Você gostou do sapato novo que a mamãe te deu hoje?

– Papato? Gotou…

– E da camisa de safari? Você gostou?

– Gotou…

-Então… Quando a gente trabalha a gente fica feliz e também ganha dinheiro pra comprar nossas coisas… Você sabia? Ir trabalhar deixa a gente muito feliz e nos dá dinheiro para comprar roupas, sapatos… Você também vai trabalhar quando crescer?

– balhar…

– Que bom! Você também vai ser muito trabalhador! Então dá um beijo de tchau, tchau pra mamãe.

Ele deu o beijo e fez tchau com as mãozinhas sorrindo. E eu fui trabalhar feliz!”

Desta forma, estou preparando o terreno para o ensino do EMPREENDEDORISMO ao meu filho. Afinal: empreendedores não nascem prontos!!!

Sucesso aos Pais e Professores Empreendedores!

Até o próximo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *