Falar difícil pode ajudar a aumentar o vocabulário das crianças

Olá, Pais e Professores Empreendedores!

** CURTA A PÁGINA DO BLOG EDUCAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NO FACEBOOK **

Estávamos num restaurante e meu filho de 2 anos e 8 meses viu um parquinho pela janela. Nem preciso dizer que ficou doidinho querendo ir ao parquinho de qualquer jeito, né?

Ocorre que o parquinho que ele via era do outro lado da rua em uma residência. Não havia possibilidade de levá-lo lá. E nem havia outro parquinho próximo. E ainda nem haviam chegados os pratos de comida.

Naquela sessão de explicações e convencimentos em que me encontrava, falei:

– Filho, aquele parquinho é privado. A gente só tem acesso aos parquinhos públicos.

Minha prima que presenciava a cena comentou:

– Isa, acha mesmo que ele, com menos de 3 anos, entende os conceitos de público e privado?

Eu disse:

– Talvez ainda não entenda. Mas se eu não usar porque ele não conhece estes termos, ele demorará ainda mais a saber o que significam.

É justamente pelo uso de novos vocábulos que a criança vai ampliando seu acervo de palavras. E com disposição por parte dos pais e professores para explicar com calma o que significam.

Sucesso aos Pais e Professores Empreendedores!

Até o próximo post!

** CURTA A PÁGINA DO BLOG EDUCAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NO FACEBOOK **

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *