Temperamentos das Crianças e Alimentação – Antroposofia

Ontem depois do segundo bombom:

Petrus aos 4: Mamãe, posso só mais unzinho? Só 3, mamãe, por favor, por favorzinho…

E, pouco tempo depois do terceiro:

Ele: Mamãe… Não, deixa…

Era visível que estava tentando se controlar…

Eu: O que foi, filho?

Ele: Você vai ficar louca!!

É mole? Eu ri!

Eu: Como assim, filho? Fala…

Ele: Pode ser só 4?

image

***

E já faz tempo que é assim… Difícil controlar o chocolate com ele, mas só durinho… Brigadeiro mole nem pensar!! Também temos dificuldades em introduzir novos alimentos… Não come nada mole ou cremoso… Nada com molho. Só comida seca! A parte boa é que adora frutas!!

***

Outra cena mais antiga que também confirma isso foi essa…

Ele: Mamãe, por que você está tomando iogurte?

Eu: Ah, porque eu gosto e acho que faz bem…

Ele olhou com cara de asco e falou: Eu tenho nojo!

***

Eu já conhecia a teoria dos 4 temperamentos humanos – colérico, sanguíneo, fleumático e melancólico – e já até uso em treinamentos com adultos já que acho revelador e facilitador das relações humanas mas ainda não tinha tido contato com a relação destes temperamentos na criança relacionado às questões alimentares.

Foi então que li num post do blog “Antes que eles cresçam” o seguinte trecho:

“Coléricos adoram frutas (se puder colhê-las, então, sobem na árvore com rapidez), detestam mingaus e preferem comidas secas e duras, que ofereçam resistência ao morder. São capazes de usar os dentes para quebrar nozes e não gostam muito de petiscar. Cuidado com alimentos muito calóricos e energéticos. Uma tigelinha de açaí pode dar força e energia demais pra essa criança. Chocolate pode gerar um estrago e vai ser difícil controlá-lo depois. Prefira refeições com elementos mais leves e pouco calóricos pois energia ele já tem de sobra.”

Achei super interessante entender essa relação! Explica muita coisa!!! É o melhor: ajuda nossa conduta!

Já encomendei novos livros para me aprofundar no assunto e continuarei escrevendo sobre isso, ok?

Se gostou ou tem alguma dúvida, comente e compartilhe!

Sucesso!

Isa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *