Crianças, timidez e dinheiro

Olá,

Você conhece crianças que já poderiam ir sozinhas (ou quase sozinhas – sob a supervisão próxima de um adulto) comprar alguma coisa que desejam mas que ficam envergonhadas?

Isso estava acontecendo com meu filho Petrus de quase 5 anos.

O papai decidiu que era hora de enfrentar esta situação e, diante de um pedido de chocolate, deu o dinheiro à criança e disse que fosse lá comprar.

O menino relutou, disse estar com vergonha e querer que o pai ou eu fôssemos com ele.

Mas o marido não cedeu: “Pense no chocolate. Não é isso o que você quer? Pense no chocolate e vai!”

E ele foi!

Na ida cabeça baixa, insegurança, vergonha, timidez, incerteza…

Na volta cabeça erguida, peito estufado, sorriso na cara, e aquela sensação de conquista que só quem corre riscos na vida e consegue a vitória sabe como é.

O episódio se repetiu dias depois…

E depois mais uma vez numa livraria.

E o processo tem ficado cada vez mais fácil, tranquilo e favorável! (rsrsrs)

Super parabéns ao papai pela forma desafiadora no ponto ideal com que lidou com a situação!

Compartilho para reflexão e buscando disseminar informações que possam servir de recursos para outros pais e educadores como nós.

Com amor,

Isa

2 Replies to “Crianças, timidez e dinheiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *