Atraso na entrega das obra do Aeroporto de Campo Grande afeta 360 voos

SBCG (1)

Se você comprou passagem para Campo Grande (MS) para viajar entre 17 de outubro e 17 de novembro deve entrar em contato com a sua companhia aérea. As obras de recapeamento e execução de ranhuras (grooving) na pista do aeroporto da cidade que deveriam ser concluídas em 17 de outubro vão sofrer um atraso de pelo menos mais 30 dias, segundo a Infraero. As obras estão sendo realizadas desde o dia 4 de agosto, com interdição da pista entre 21h e 7h.

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) calcula que 360 voos sejam remanejados durante esses 30 dias adicionais, o que poderá impactar até 6 mil passageiros, caso todos os bilhetes já estiverem vendidos. As companhias aéreas entrarão em contato para informar os clientes que deverão ser reacomodados em outros voos.

Caso o passageiro tenha dúvidas sobre a situação do seu voo, a ABEAR sugere que ele entre em contato com os atendimentos das companhias aéreas para evitar que essas mudanças possam afetar seus compromissos. As companhia que operam em Campo Grande são Gol, TAM, Azul e Avianca.

PORTO VELHO

A partir de 18 de outubro deste ano a Avianca deixa de oferecer voos em Porto Velho, capital do estado de Rondônia. Os funcionários que trabalham no aeroporto serão demitidos. Com a saída de Porto Velho, a Avianca deixa de oferecer voos no Norte do Brasil.

Os voos de Porto Velho eram diretos para Cuiabá, de onde a Avianca oferece conexões para outras cidades. O avião Fokker-100, com 100 assentos, eram usados nas rotas de Rondônia. Em 2015 a Avianca pretende iniciar voos em Vitória.

Para saber mais sobre viagens e promoções acesse o Tudo Viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *