Uruguai vai isentar taxas e impostos para atrair turistas estrangeiros

Turistas estrangeiros que visitarem o Uruguai a partir de dezembro deste ano terão isenção de impostos a turistas em serviços de hospedagem, aluguel de veículos, locação de imóveis, gastronomia e catering para festas e eventos até 31 de março de 2016. O anúncio deste incentivo foi feito nesta semana pelo vice-ministro de Turismo do Uruguai, Benjamin Liberoff, que esteve no Brasil para participar da ABAV Expo – feira internacional desse segmento -, que acontece em São Paulo.

A meta é atrair mais de 500 mil turistas brasileiros em 2015. No ano passado foram 462 mil, representando um crescimento de 17% em relação a 2013, quando 393 mil brasileiros estiveram no país vizinho. O Brasil é a segunda nação em número de turistas no Uruguai, atrás apenas da Argentina. Só em 2014, os brasileiros movimentaram mais US$ 294 milhões em viagens às principais cidades uruguaias.

O Uruguai já registra um crescimento de turistas entre janeiro e agosto deste ano, quando recebeu cerca de 2 milhões de visitantes – 8,8% a mais que no mesmo período de 2014. No ano passado, ao todo, foram 2,8 milhões de turistas, dos quais 16,4% brasileiros. Só no primeiro semestre de 2015, mais de 224 mil pessoas com nacionalidade brasileira visitaram o Uruguai.

Apesar da valorização do dólar frente ao real, o Ministério do Turismo do Uruguai espera ampliar o número de turistas brasileiros em 2015 enaltecendo as vantagens do destino – em custo benefício (reforçado pela isenção fiscal), qualidade da gastronomia, variedade cultural e reconhecidos locais com belezas naturais, entre outros destaques – como uma das opções mais acessíveis para viagens internacionais neste momento.

uruguaI09

Reconhecimento mundial ao Uruguai

O reconhecimento mundial ao Uruguai é um dos principais fatores para o crescimento turístico ano a ano. O país está em 19o no ranking global de “Democracia, Mercado e Transparência”, que conta com um total de 167 países e é promovido pela fundação CADAL (Centro para Abertura e Desenvolvimento da América Latina). No fim do ano passado, também teve uma boa posição na primeira edição do The Good Country Index – índice de bom país –, conquistando a quinta posição entre os países com melhores níveis de paz e segurança internacional. Já no levantamento da Fundação Instituto Legatum, que abrange 142 países, o Uruguai ficou à frente de todos os países da América Latina – em 30o lugar – e foi destacado pela tolerância e pelo respeito com imigrantes e turistas.

Em 2013 o Uruguai foi eleito pela revista inglesa The Economist como “País do Ano” em função da abordagem e resolução a questões problemáticas como legalização da maconha (primeiro país da América Latina) e casamento gay (segundo país da América Latina). O Uruguai também está entre os dez lugares mais indicados para se viver após a aposentadoria, de acordo com o International Living.

SAIBA MAIS…

ACESSE AQUI MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O URUGUAI

COMPANHIA AÉREA FAZ VOO INAUGURAL

VAI VIAJAR? SAIBA COMO ECONOMIZAR 80% NAS VIAGENS DE AVIÃO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *