• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Justiça dos EUA considera acusar criminalmente ex-diretor da CIA

Geral

Justiça dos EUA considera acusar criminalmente ex-diretor da CIA

Washington - O Departamento de Justiça dos Estados Unidos considera formalizar acusação criminal contra o ex-diretor da CIA, David Petraeus, em caso que envolve a suposta divulgação de informações confidenciais da agência, afirmou um representante do órgão na noite da sexta-feira.

A fonte comentou o caso em sigilo e disse que investigadores apresentaram informação sobre o possível vazamento de documentos ao procurador-geral Eric Holder e outros magistrados, para que cheguem a uma decisão sobre acusar ou não o ex-general. O advogado de Petraeus, Robert Barnett, se recusou a comentar o relato, assim como Marc Raimondi, porta-voz do Departamento de Justiça.

Detetives federais realizam inquérito para determinar se Petraeus compartilhou materiais confidenciais de forma imprópria com a autora de sua biografia, Paula Broadwell, com quem ele admitir ter um caso ao renunciar ao cargo da CIA em novembro de 2012. Agentes encontraram um número substancial de documentos no computador de Broadwell e em sua casa, segundo relato de um agente.

Petraeus e Broadwell pediram desculpas publicamente pelo relacionamento e afirmam que só ficaram juntos após o ex-diretor se aposentar do Exército e começar a trabalhar na CIA. O escândalo marcou a queda de Petraeus, o responsável por levar tropas ao Afeganistão e o Iraque, e um antigo candidato em potencial à Casa Branca.

O New York Times reportou na noite da sexta-feira que os promotores recomendaram ao procurador-geral para abrir acusação contra Petraeus. Esperava-se que Holder tivesse se decidido em relação ao caso até o fim de 2014, mas até então não há sinais de qual ação ele tomará. Fonte: Associated Press.