• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Dono de cachorro morto dentro de carro de Pet Shop registra ocorrência em delegacia

  • COMPARTILHE
Geral

Dono de cachorro morto dentro de carro de Pet Shop registra ocorrência em delegacia

O cão da raça Bulldog morreu após ser esquecido por cerca de duas horas dentro do porta-malas do carro da dona de um Pet Shop em Laranjeiras, na Serra

Boris teria sido esquecido dentro de porta-malas do carro da dona de um Pet Shop, na Serra. Foto: ​Reprodução/Facebook

A morte de um cachorro, na Serra, está virando caso de polícia. De acordo com o dono do animal, Leonado Gois, a proprietária do Pet Shop esqueceu o cãozinho dentro do porta-malas do carro, e ele acabou não resistindo.

O caso aconteceu na última quinta-feira (25). Segundo a irmã de Leonardo, Luana Gois, a dona do Pet Shop foi buscar o animal para dar banho por volta das 8h30, e devolveria às 10h30. “O tempo foi passando e a secretária que fica na casa do meu irmão ligou para minha mãe falando que o Boris (cachorro) não tinha sido entregue. Isso aconteceu às 14 horas. Minha mãe entrou em contato com o Pet Shop e a dona disse que não sabia onde ele estava e nem por que ainda não tinha sido entregue”, explicou.

Segundo Luana e Leonardo, o boletim de ocorrência será registrado nesta segunda-feira (29) na delegacia de Polícia Ambiental, em Cariacica. De acordo com eles, a dona do Pet Shop teria, num primeiro momento, omitido a informação da morte do cachorro.

“Na quinta-feira ela só confirmou a morte de Boris, depois das 17 horas. Nós estávamos tentando contato com ela desde às 14 horas. Ela contou para nossa mãe que o Boris tinha passado mal, e tinha levado ele para um veterinário que deu laudo de morte súbita. Na sexta nos levamos o corpo do animal para necrópsia, e a responsável pelo Pet Shop nos acompanhou. No local, ela contou a mesma história. No entanto, no sábado, o marido dela conversou com a gente e assumiu toda a responsabilidade. Disse que, após pegar o animal, a mulher dele foi para um curso e esqueceu o cachorro no porta malas e só se deu conta do animal após a ligação da nossa mãe”, denunciou Luana.

De acordo com os donos do Bulldog, ele já tinha sido levado outras vezes ao estabelecimento. O animal tinha seis anos de idade.

Nós tentamos contato com o Pet Shop, mas ninguém atendeu nossas ligações.