• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Jornalistas e admiradores lamentam a morte de Boechat

Geral

Jornalistas e admiradores lamentam a morte de Boechat

A morte trágica do jornalista repercutiu nas redes sociais, admiradores e colegas de trabalho lamentaram o fato e relembraram a trajetória do profissional

Foto: Reprodução / Instagram

O jornalista Ricardo Eugênio Boechat, de 66 anos, faleceu na queda de um helicóptero no Rodoanel no início da tarde desta segunda-feira (11). A morte do jornalista teve grande repercussão nas redes sociais, através de colegas de profissão, autoridades e admiradores. 

A aeronave caiu no quilômetro 7, próximo ao acesso à Rodovia Anhanguera, na chegada a São Paulo, em cima de um caminhão. O piloto e o copiloto da aeronave também morreram. O motorista do caminhão foi socorrido.

A confirmação da morte do jornalista veio da direção de jornalismo da Band ao Estado. Ele estava voltando de Campinas, onde tinha ido dar uma palestra. 

O apresentador José Luiz Datena interrompeu a programação da Band nesta tarde para confirmar a morte de Boechat. Emocionado, Datena disse que ele era "uma pessoa especial" e um dos maiores jornalistas do País.

Tino Marcos, jornalista

"Ri muito em redação e camarim com o Boechat, alma leve, bom humor. E um monstro na profissão. Sou ouvinte quase diário, sou fã. Ética, coragem, clareza. O jornalismo perde muito muito. O mundo anda triste demais."

Rafael Cortez, apresentador

"Ano triste pro Brasil. Política e seus escândalos e burrices. Morte do Caio Junqueira. Brumadinho. Flamengo. E agora a queda do helicóptero com o Boechat. O país não merece isso. Desolado. Boechat era um dos maiores jornalistas do país. Na foto, ele comigo e parte da Band em 2010"

Paola Carosella, chefe de cozinha

"Extremamente triste e horrorizada. Meus sentimentos mais profundos de amor e paz para a familia e amigos do Sr Ricardo Boechat. Se foi um homen integro, inteligente e com uma trajetória impecável como jornalista. Um grande homem. Que em paz descanse. Muito triste".

André Trigueiro, jornalista

"Jornalista valente, corajoso, contundente, um dos grandes nomes dessa nossa profissão. Tive a honra de ser seu colega de trabalho na TV Globo. Que falta você já faz! Obrigado por tudo! #RIP"

Chico Pinheiro, jornalista

"Conheci Boechat quando ele trabalhou no Bom Dia Brasil, no fim da década de 90. Eu participava de São Paulo e ele interagia com o Renato Machado, no RJ. Cheguei a apresentar o jornal com ele no estúdio. Sempre admirei seu trabalho. Sentiremos sua falta. R.I.P."

Walter Casagrande, comentarista

"Não acredito em mais uma tragédia, fiquei o fim de semana em casa, só a maior parte do tempo na cama de tanta tristeza que sentia. Hoje fui caminhar no Ibirapuera e absorvi só energias boas e aí me vem essa notícia do Ricardo Boechat, era um dos grandes jornalista do país."

Serginho Groisman, apresentador

"Boechat: tuas opiniões , teu bom humor, tuas indignações , teu amor por tua família e a aula de jornalismo que você nos deu vão fazer muita falta. Força para as famílias que estavam no helicóptero."

Padre Fábio de Melo

"A morte do Boechat nos empobre. É bem mais do que perder um jornalista brilhante. É perder uma consciência lúcida, iluminada, que sabia ver o Brasil sem partido, sem paixões. Morre com ele a coragem que a muitos encorajava diariamente".

Ricardo Noblat, jornalista

"Em um dos anos que Boechat ganhou o Prêmio Comunique-se, eu também ganhei. Por engano, o apresentador da cerimônia me entregou o troféu dele e deu o meu a ele. Nos falamos dias depois. E por sugestão de Boechat, jamais desfizemos a troca. Que falta ele fará a todos. Que falta!"

Paulo Coelho, escritor

"Sou uma das muitas, muitissimas vozes a lamentar a perda de um jornalista tão competente, imparcial, eficaz. Que Ricardo Boechat sirva de exemplo aos que agora buscam um caminho neste conturbado mundo do jornalismo de hoje".

Marcelo Adnet, comediante

"Que tragédia a morte inesperada do grande jornalista, genial e incansável Ricardo Boechat. Que nós jornalistas nos inspiremos sempre nele, na sua luta e na sua voz sempre presente. Vai fazer muita falta."

Boechat era torcedor do América-MG, que prestou homenagem ao jornalista nas redes sociais. 

Foto: Reprodução / Twitter

Jornalistas e admiradores também lamentaram a morte de Boechat. "Tristeza e luto nessa tragédia para o jornalismo brasileiro. Perdemos uma referência para o jornalismo combativo e questionador", escreveu Flávio Fachel, apresentador do Bom Dia RJ. "Tá difícil de segurar a onda por aqui. Um dia choro por centenas, noutro por dezenas, agora choro por um colega: Ricardo Boechat, agora não! O jornalismo precisa de você", escreveu Milton Jung, da CBN.

A colunista do BR 18 e colunista do Estado Vera Magalhães chamou o jornalista de "referência do jornalismo, colunista, como âncora". "Com tudo o que era, conseguia ser generoso com quem tinha menos experiência. No encontro que tivemos, me brindou com essa generosidade que nem sei se merecia."

 "Ricardo Boechat era um voz contestadora na imprensa, fará muita falta", lamentou Mauro Cezar, jornalista da ESPN.

Foto: Reprodução / Twitter
A jornalista Miriam Leitão, da TV Globo, também falou sobre a morte do "querido amigo"

"Meus sentimentos para a família do Boechat, um dos melhores e mais geniais jornalistas e comunicadores do Brasil", escreveu o comentarista internacional Guga Chacra.

Foto: Reprodução / Twitter
O jornalista fez história no Prêmio Comunique-se, um dos mais importantes da comunicação, em que foi reconhecido como âncora de rádio, âncora de televisão e colunista

Acidente

Segundo o Corpo de Bombeiros, a aeronave caiu em cima de um caminhão que trafegava pela via, no sentido interior, próximo à praça do pedágio. O motorista do caminhão foi socorrido pela concessionária.

Os bombeiros informaram que 11 viaturas foram deslocadas para o local.

Ainda de acordo com os bombeiros, a aeronave que caiu era do modelo BELL PT HPG.

Foram feitas interdições parciais na pista do Rodoanel, sentido Perus, e na Anhanguera, sentido Jundiaí. A concessionária CCR Rodoanel informou que os motoristas podem acessar a Anhanguera, no sentido São Paulo, e pegar um retorno no quilômetro 18 para seguir para o interior.

História

Boechat era apresentador do Jornal da Band e da rádio BandNews FM, além de ser colunista da revista IstoÉ. Trabalhou no Estado e, também, nos jornais O Globo e O Dia. É ganhador de três prêmios Esso e, segundo o site da Band, é um dos maiores ganhadores da história do Prêmio Comunique-se, em que foi reconhecido como âncora de rádio, âncora de televisão e colunista. Também foi eleito o jornalista mais admirado do País na pesquisa do site Jornalistas&Cia em 2014.