• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Idosa atropelada na calçada em Vila Velha era cunhada de Sebastião Salgado e morava há 50 anos no ES

Geral

Idosa atropelada na calçada em Vila Velha era cunhada de Sebastião Salgado e morava há 50 anos no ES

A idosa, identificada como Lenyr Wanick de Matos era irmã de Lélia Wanick, esposa do fotógrafo. No momento do acidente, Lenyr estava indo fazer compras. Ela morava há mais de 50 anos no ES

Um dos veículos envolvido no acidente que matou a idosa de 81 anos, em avenida de Vila Velha Foto: TV Vitória

A idosa de 80 anos que morreu após ser atropelada na calçada por um veículo que teria ultrapassado o semáforo vermelho na Avenida Jerônimo Monteiro, no Centro de Vila Velha, no final da manhã desta terça-feira (17), era cunhada do fotógrafo capixaba Sebastião Salgado. Lenyr morava há mais de 50 anos no Espírito Santo.

A idosa, identificada como Lenyr Wanick de Matos era irmã de Lélia Wanick, esposa do fotógrafo. No momento do acidente, Lenyr estava indo fazer compras.

"Ela era uma mulher super ativa, lúcida, por onde ela passava era só alegria. Ela não tinha problemas de saúde e fazia coisas do cotidiano diariamente. É uma perda muito grande para a família", diz o sobrinho da vítima, Hildson Antunes de Matos.

Mesmo sendo vítima de imprudência, a família não espera processar o motorista do veículo que atropelou Lenyr. "Nós nem cogitamos isso. Infelizmente foi um acidente. Não tem como prever", completa o sobrinho.

O velório da idosa acontece na próxima quarta-feira (18), no cemitério Parque da Paz, no bairro Ponta da Fruta, em Vila Velha.