• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Depoimento de motorista suspeito de causar grave acidente em Colatina é remarcado

Geral

Depoimento de motorista suspeito de causar grave acidente em Colatina é remarcado

Mateus Pereira de Oliveira dirigia o Corolla e é suspeito de ser o responsável pelo acidente ocorrido na última terça-feira (1º)

O motorista Mateus Pereira de Oliveira, 21 anos, que conduzia um Corolla, suspeito de causar o acidente que resultou na morte de cinco pessoas, em Colatina, continua internado em um hospital da cidade. De acordo com a Polícia Civil, o depoimento que estava marcado para a tarde desta sexta-feira (04) foi adiado para a próxima semana, por conta da piora do estado de saúde do condutor.

Anteriormente, Mateus havia se recusado a falar com o delegado sem a presença de seu advogado. O motorista foi autuado pela Polícia Civil por homicídio culposo e lesão corporal. Para responder o processo em liberdade, foi definida a fiança de R$ 28.620,00.

De acordo com o advogado de Dyacy Fernandes Mendes, 27 anos, que dirigia o outro veículo envolvido na colisão, sem carteira de motorista, já foi disponibilizada uma vaga em um hospital da Grande Vitória, mas a transferência ainda não foi realizada por falta de ambulância.

O jovem precisará passar por uma nova cirurgia para fixar o osso da perna. A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) informou que a transferência não ocorreu porque a equipe médica afirmou que Dyacy não tem condições clínicas.

O acidente

O acidente aconteceu na manhã da última terça-feira (01), na entrada do Córrego Argeu da ES 080, em Colatina. Ainda não se sabe o que teria motivado o acidente. A batida envolveu um Corolla, placas OYG-6510, e um Celta, placas MTE-1673. A polícia informou que no local a ultrapassagem é proibida.

No Celta estavam Edir Caetano dos Anjos, Juracy Fernandes Mendes, Maria Marçal dos Anjos, além de Bruna Oliveira Souza, e Dyacy Fernandes Mendes, que eram namorados. Dyacy foi o único a ser socorrido com vida e levado para um hospital no município onde aconteceu o acidente.

Já no Corolla, estavam duas pessoas, identificadas como Marcelo Pereira Ramos e Mateus Pereira de Oliveira, condutor do veículo. Marcelo morreu no acidente. Já Mateus, foi socorrido em estado grave para um hospital.