• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Motorista de carreta que causou explosão em Viana, em 2017, será ouvido nesta quinta-feira

Geral

Motorista de carreta que causou explosão em Viana, em 2017, será ouvido nesta quinta-feira

Na ocasião, os carros estavam parados, quando uma carreta veio em alta velocidade e colidiu com os veículos. Logo depois, houve uma explosão e sete carros pegaram fogo. Quatro pessoas morreram

Foto: Reprodução/Arquivo Folha

Deve ser ouvido nesta quinta-feira (13), às 14h, o motorista da carreta acusado de provocar um grave acidente, que deixou quatro pessoas mortas, na BR 101 em Viana, em outubro de 2017. Wesley Montovanelli, de 47 anos, chegou a ser preso na época do acidente, mas agora responde pelo processo em liberdade. A audiência sobre o caso acontece no Fórum do Centro de Viana.

A batida aconteceu no dia 11 de outubro de 2017 e envolveu nove veículos, no KM 304 da BR 101, na altura do Posto Canaã, em Viana. Na ocasião, os carros estavam parados, quando uma carreta veio em alta velocidade e colidiu com os veículos. Logo depois, houve uma explosão e sete carros pegaram fogo.

Quatro pessoas morreram na tragédia. Três corpos ficaram carbonizados e outra vítima faleceu durante o socorro.

O acidente ocorreu a cerca de 200 metros do posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), quando acontecia uma blitz da corporação, por conta do feriado de 12 de outubro. Uma fila de carros se formava para as abordagens. Segundo a polícia, o motorista do caminhão seguia em velocidade acima da permitida e disse que não viu os veículos parados.

A suspeita dos policiais é que o caminhoneiro estivesse utilizando o celular no momento do acidente.

Wesley Montovanelli, foi preso no mesmo dia do acidente, autuado por homicídio culposo. No dia 20 de novembro de 2017, a Justiça decidiu por revogar a prisão preventiva do motorista, que agora responde pelo processo em liberdade.

* Com informações de Fernanda Batista, da TV Vitória / Record TV