• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Motorista indiciada por acidente que matou três jovens no Rio Jucu recebe alta de hospital

Geral

Motorista indiciada por acidente que matou três jovens no Rio Jucu recebe alta de hospital

A princípio havia a informação de que ela precisaria passar por uma cirurgia, mas de acordo com o hospital, não há indicação de intervenção cirúrgica

Mayara permaneceu internada por precaução Foto: Reprodução

A condutora do veículo que caiu no Rio Jucu recebeu alta no início da tarde desta quinta-feira (14). Após a Justiça conceder liberdade provisória, Mayara Azevedo Paganini, de 26 anos, havia voltado para o hospital por conta de uma fratura no maxilar. 

A princípio havia a informação de que ela precisaria passar por uma cirurgia, mas de acordo com o hospital, não há indicação de intervenção cirúrgica. Ela permaneceu internada por precaução, para observação da evolução clínica e o tratamento será feito sem intervenção cirúrgica.

Já a jovem Juliana da Silva Vieira, que também estava no carro que era dirigido por sua prima Mayara, permanece internada na UTI neurológica do Hospital Meridional.

O inquérito sobre o acidente, que causou a morte de três pessoas e aconteceu no último domingo (10), já está sob investigação da Delegacia de Delitos de Trânsito. De acordo com a Polícia Civil, todos os procedimentos cabíveis ao caso estão sendo realizados.

O acidente 

O carro de passeio conduzido por Mayara despencou da ponte do Rio Jucu, que liga Viana a Vila Velha, na manhã de domingo. O veículo trafegava pela rodovia BR-101, quando a motorista teria perdido o controle da direção, batido contra a mureta de proteção da ponte e caído dentro do rio. Três pessoas que estavam dentro do carro não resistiram aos ferimentos e morreram. O acidente aconteceu na altura do quilômetro 311, por volta das 7h40.

Estavam no veículo Tiago Lazarini Sabino, que morava há quatro anos com Mayara e estava no banco do carona, Juliana da Silveira Vieira, que é prima da condutora e segue internada em estado grave em um hospital particular de Cariacica, Luiz Henrique Vieira Souza, de 19 anos, e Hyohan Lucas de Freiras Nunes, de 20 anos. Os três homens morreram.