• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ariana Grande se defende de determinadas perguntas durante entrevista

  • COMPARTILHE
Geral

Ariana Grande se defende de determinadas perguntas durante entrevista

-

Ariana Grande conseguiu ser educada, mas ao mesmo tempo firme durante uma entrevista de rádio que poderia facilmente a ter deixado irritada. A cantora marcou presença na última quinta-feira, dia 29, na Power 106, de Los Angeles, para divulgar seu single Focus e acabou tendo que ser um pouco ríspida com os apresentadores Eric D-Lux e Justin Credible, que fizeram perguntas sexistas e estereotipadas.

Tudo começou quando um deles a questionou sobre o que ela escolheria: maquiagem ou celular? E a resposta dela foi a seguinte:

- É isso que você acha que as meninas tem problema para escolher? Isso é um homem presumindo que é isso que as meninas tem problema para escolher?

Ela afirmou que conseguiria sim - e até prefere - ficar horas sem usar seu celular. Os apresentadores então falam Ouçam, meninas! e Ariana não deixou barato:

- Ouçam, meninos. Meninos e meninas, nós todos podemos aprender.

Além disso, ela discute com os dois sobre um novo emoji disponível em celulares que traz o desenho de um unicórnio. Eles afirmam que homens não poderiam usá-lo e ela responde que sim, qualquer um poderia usar. E ainda avisou que gostaria de acabar com diversos problemas no mundo:

- Eu tenho uma longa lista de coisas que eu gostaria de mudar. Julgamento, intolerância, maldade, padrões duplos, misoginia, racismo, sexismo... Nós temos trabalhos a fazer, concluiu.

Se defendeu

Além de ter se defendido em um programa de rádio, Ariana também mostrou sua força nas redes sociais, quando não deixou passar batido comentários maldosos que a comparavam com Ariel Winter. A mensagem, de um suposto fã, afirmava que ele preferia definitivamente e atriz de Modern Family ao invés da cantora, por preferir mais curvas.

Ariana então repostou o comentário e ainda escreveu um texto mostrando sua opinião e, claro, se defendendo:

Tweets, comentários, comunicados assim não são legais. Sobre ninguém!!! Nós vivemos em um dia e em uma era em que as pessoas estão IMPOSSÍVEIS com as mulheres, homens, qualquer um que se aceita como é. Diversidade é sexy! Se amar é sexy! Sabe o que NÃO é sexy? Misoginia, objetificação, padronização, comparar e envergonhar corpos!!! Falar sobre o corpo das pessoas como se elas tivessem PEDIDO permissão/opinião. Elas não estão!!! Celebrem vocês mesmos. Celebrem os outros. As coisas que nos fazem diferentes um dos outros nos fazem lindos. Limites dos corpos. Amor, amor amor, sempre.