• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Procon da Serra dá dicas para compras durante a Black Friday

Geral

Procon da Serra dá dicas para compras durante a Black Friday

Antes de sair comprando, as dicas mais importantes do Procon da Serra são: pesquisar e desconfiar

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Muitos consumidores já estão em contagem regressiva para o próximo dia 29, dia da Black Friday, a mundialmente famosa sexta-feira dos descontos. Não é difícil encontrar quem pretende comprar um celular, uma TV ou geladeira, por exemplo, mas para a compra ser vantajosa, os consumidores precisam se atentar para alguns cuidados e seguir as dicas do Procon da Serra.

A esta altura, várias lojas já estão realizando promoções e investindo em propagandas, pois a ação que costumava ser apenas na sexta-feira, agora acontece por vários dias, ou até mesmo durante o mês todo. Outras, porém, oferecem descontos somente no dia da ação, então, ainda dá tempo de se programar.

Antes de sair comprando, as dicas mais importantes do Procon da Serra são: pesquisar e desconfiar. “A dica de ouro para esse período de grande movimentação e ofertas é pesquisar. Pesquisar preço, pesquisar a reputação da loja e do site, pesquisar quais são seus direitos para trocas ou em casos de não entrega da mercadoria. E também desconfiar de preços muito baixos, que destoam dos praticados por outros estabelecimentos comerciais”, afirmou a diretora do Procon da Serra, Nívia Passos.

Ela orienta que as pessoas tenham cuidado para não se endividarem e que aproveitem a ação para comprar aquilo que realmente estão precisando. “A recomendação é ter cautela. Há o entusiasmo com o dinheiro do FGTS que foi liberado, mas os consumidores só devem comprar o que for necessidade”.

As compras por impulso escondem um risco, segundo Nívia, pois os consumidores não fizeram o acompanhamento de preços e, por isso, não sabem os valores médios cobrados. “Para saber se determinado produto está valendo a pena, o consumidor tem que saber quanto ele custava antes. Se ele comprar por impulso, sem necessidade, pode acabar adquirindo algo que não está com desconto real. É o que a gente chama de falso desconto”.

De hoje até o Black Friday, os interessados em adquirir produtos podem pesquisar os preços, guardar encartes de ofertas e tirar prints de anúncios na internet, por exemplo.

Outro alerta que a diretora do Procon da Serra faz é para os prazos de entrega e montagem das mercadorias: “Como o fluxo de vendas costuma ser grande nesta data, as lojas terão uma sobrecarga para entrega e montagem. Acorde a data com a loja, peça para deixar registrado o dia e horário combinado e, para aqueles que já adiantam as compras de Natal, verifique se os produtos chegarão a tempo. A empresa tem que cumprir o tempo de entrega informado ao consumidor”.

Para denúncias, reclamações ou orientações, o Procon da Serra está à disposição pelos telefones 3252-7242/7243 e está localizado no Pró-Cidadão, na Avenida Talma Rodrigues Ribeiro, 5416, em Portal de Jacaraípe.

Dicas:

- Estipule o valor máximo que poderá gastar, para não extrapolar o previsto

- Compare preços dos produtos em pelo menos duas ou três lojas diferentes

- É extremamente importante conhecer a média de preço do produto que pretende adquirir

- Desconfie se o desconto oferecido for muito alto e se o valor for muito abaixo dos estabelecimentos concorrentes. Observe se as mercadorias não são peças de mostruário, se não estão violadas, obsoletas ou encalhadas

- Verifique se o site em que pretende realizar a compra é verdadeiro e confiável. Cheque todas as informações sobre a loja: se existe, seu endereço físico e o canal de relacionamento com o consumidor (telefone, e-mail). Verifique se já não existem muitas reclamações, como produto não entregue ou entregue fora do prazo

- Pergunte sobre a loja a amigos e familiares. Busque opiniões de quem já comprou no local

- Tome conhecimento sobre sites que fazem comparativos de preços. Você pode usá-los para facilitar na busca pelo melhor preço

- Cuidado com e-mails de propaganda, que podem conter vírus e links que podem levar o consumidor a sites fraudulentos. O recomendado é entrar no site oficial da loja por seu endereço on-line, e não por meio de links duvidosos

- Também duvide de ofertas que só aparecem em redes sociais. Faça buscas direto no site oficial da loja

- Para compras em lojas físicas, a troca não é obrigatória, ela é praticada de acordo com a política de cada loja. Antes de comprar, verifique se o produto poderá ser trocado, se necessário

- Em compras feitas pela internet, o consumidor tem 7 dias para se arrepender, cancelar a compra, devolver o produto e ter o dinheiro de volta. Esse prazo é contado a partir da data da compra ou do recebimento do produto

- Ao selecionar o produto, considere também o valor do frete para compras em lojas virtuais. Às vezes, o frete cobrado pode ser mais caro do que o próprio produto. Assim, compare em diferentes sites o valor total da compra (produto + frete)