• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após pior seca atingir o Espírito Santo, Cesan antecipa obras

Geral

Após pior seca atingir o Espírito Santo, Cesan antecipa obras

De janeiro a outubro, a Cesan investiu mais de R$ 130 milhões na ampliação dos sistemas de abastecimento de água, coleta e tratamento do esgoto e desenvolvimento operacional da Companhia

As obras foram antecipadas Foto: Assessoria de Comunicação/ Cesan

O ano de 2015 foi marcado pela pior seca que já atingiu o Espírito Santo nos últimos 40 anos. Governo, sociedade e organizações se uniram e diversas medidas foram tomadas para enfrentar o problema. Somente nos 52 municípios atendidos pela Cesan, a população aderiu às campanhas para redução do consumo e economizou cerca de 12 bilhões de litros de água. 

De janeiro a outubro, a Cesan investiu mais de R$ 130 milhões na ampliação dos sistemas de abastecimento de água, coleta e tratamento do esgoto e desenvolvimento operacional da Companhia. A Empresa também antecipou a implantação do Sistema Reis Magos que estava prevista para 2020. As obras já foram iniciadas e vão reforçar o abastecimento para a Região Metropolitana da Grande Vitória.

Segundo o presidente da Cesan, Pablo Ferraço Andreão, a crise foi tratada em múltiplas frentes. “As medidas adotadas pelo Governo tiveram o caráter multidisciplinar que o problema exigiu e envolveram sociedade, organizações civis, empresas, produtores rurais, agências reguladoras e Secretarias de Estado. Na Cesan, integramos o comitê criado pelo Governo para enfrentamento da crise. Entre as ações, antecipamos o início das obras do Sistema Reis Magos, que custarão R$ 60 milhões, concluímos obras no valor de R$ 53,1 milhões para ampliação e melhoria dos sistemas de abastecimento de água e R$ 15,8 milhões no aperfeiçoamento das operações da Companhia. Pela ótica da recuperação ambiental, investimos cerca de R$ 65 milhões em coleta e tratamento de esgoto, contribuindo para a despoluição dos mananciais”, relatou.

O resultado obtido foi uma ampliação da cobertura com os serviços de coleta e tratamento de esgoto para 54% da população. Também foram implantados mais de 160 quilômetros de redes de água, 143 quilômetros de redes de esgoto e concluídas quatro novas estações de tratamento de esgoto, beneficiando mais de 2 milhões de pessoas atendidas pela Cesan no Espírito Santo.

O Sistema Reis Magos, orçado em R$ 60 milhões provenientes de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), beneficiará uma população de 150 mil pessoas da região de Serra Sede e entorno, com influência inclusive na região do Civit. Com a inauguração, o Sistema Santa Maria, que abastece 700 mil pessoas, ficará menos sobrecarregado. A previsão é que as obras sejam concluídas no final de 2016.