• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Prefeito de Baixo Guandu ameaça fechar ferrovia em protesto contra desastre da Samarco

Geral

Prefeito de Baixo Guandu ameaça fechar ferrovia em protesto contra desastre da Samarco

O motivo para a manifestação do prefeito é demonstrar a indignação com a atuação de empresas, que segundo ele, causa danos incomensuráveis às comunidades

Linha férrea deverá ser interrompida por determinação de prefeito de Baixo Guandu Foto: Divulgação

O prefeito de Baixo Guandu, Neto Barros (PCdoB), determinou nesta quinta-feira (12), a interrupção da linha férrea da empresa Vale, que atravessa o município. O motivo para a manifestação do prefeito é demonstrar a indignação com a atuação de empresas, que segundo ele, causam danos incomensuráveis às comunidades, disse ele referindo-se ao rompimento das barragens de Bento Rodrigues, subdistrito de Mariana (MG).

Segundo o prefeito, até as comunidades mineiras gostaram da determinação de fechamento das linhas férreas. 

“Os mineiros sabem dos danos que estas empresas vêm causando. Claro que todos sabem dos benefícios dos investimentos e do crescimento que elas promovem nos municípios, mas o impacto da atuação das empresas na saúde dos moradores é muito mais prejudicial. Os danos da Vale são incomensuráveis”, apontou o prefeito.

Neto Barros determinou o fechamento da linha utilizando máquinas que atuam em Baixo Guandu.

O prefeito se manifesta desta forma preocupado com os impactos que poderão chegar ao município motivados pelo rompimento das barragens Fundão e Santarém, da mineradora Samarco, ocorrido na última semana.

“O secretário me pediu cinco horas para reunir as máquinas que atuarão nessa manifestação. Determinei que a minha assessoria notificasse à Vale sobre esta manifestação”, disse Neto Barros.

Por nota, a Vale informou que está tomando as medidas necessárias para garantir o tráfego ao longo da Estrada de Ferro Vitória a Minas.