• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após centenas de peixes aparecerem mortos na Praia de Camburi, prefeitura descarta contaminação

Geral

Após centenas de peixes aparecerem mortos na Praia de Camburi, prefeitura descarta contaminação

As secretarias de Meio Ambiente da Prefeitura de Vitória e do Governo do Estado ficaram realizando testes por um mês

Após centenas de peixes serem encontrados mortos em vários pontos da Praia de Camburi, em Vitória, no dia 17 de outubro, a prefeitura informou que após um mês de testes, o resultado foi o esperado e não há infecção na água, o que ficou caracterizado que foi descarte irregular por embarcações de pesca. Além disso, foi informado que não há contaminação dos peixes.

O gerente de controle ambiental Darcio Bracarense falou, na manhã desta terça-feira (28), como foi o processo de pesquisa. "É uma sugestão a partir do momento que temos a análise da água do dia do evento. O laboratório fez a análise de 11 pontos e pelo estudo físico feito na água, chegamos a conclusão de que não há nenhum evento anormal", disse.

Balneabilidade das praias

Praia de Camburi Foto: Talita Carvalho

--> Vitória: dos 26 pontos que existem na capital,16 estão próprios para banho, 4 estão interditados, e 6 estão impróprios para banho, de acordo com a prefeitura.

--> Vila Velha: dos 12 pontos nas praias do município de Vila Velha, 9 estão próprias para banho, e 3 estão impróprias, de acordo com a prefeitura./

--> Serra: já no município da Serra, dos 11 pontos, 10 estão próprios e apenas 1 está impróprio para banho, de acordo com o Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema).

Relembre o que aconteceu

Centenas de peixes foram encontrados mortos na areia da Praia de Camburi, em Vitória. Os animais, da espécie tainha, começaram a aparecer na manhã do dia 17 de outubro.

Na época, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços Urbanos (Semmam) recolheu amostras dos peixes encontrados na orla de Camburi para encaminhar a um laboratório credenciado para detecção das causas da morte das espécies.

Houve a intensificação da fiscalização em toda a praia, pois foi observado que os peixes tainha - espécie farta no litoral de Vitória - não apresentavam ferimentos, inchaços, coloração diferente ou cheiros diversos ou qualquer marca, podendo configurar descarte irregular de barcos pesqueiros que atuam de forma clandestina no litoral capixaba.

Assista: