• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Identificados suspeitos presos pela morte de soldado da PM em Marataízes

Polícia

Identificados suspeitos presos pela morte de soldado da PM em Marataízes

Segundo informações da delegacia, os suspeitos foram detidos durante a operação realizada na manhã da última quarta-feira (11), que se estendeu até o início da noite

O policial foi morto a tiros Foto: Reprodução/Facebook

A delegacia de Marataízes, no Sul do Espírito Santo, que investiga a morte do soldado da Polícia Militar Eduardo Silva Júnior, de 21 anos, divulgou o nome dos suspeitos de envolvimento no crime. Eduardo Silva Junior, Benjamin Martins, Bruno Santos Silva, Lucas Gomes e Alan Vitor Porto Paz, foram encaminhados para o Centro de Detenção Provisória do município.

Não foram divulgados as idades dos envolvidos e nem se os suspeitos têm passagens pela Justiça.

Segundo informações da delegacia, os suspeitos foram detidos durante a operação realizada na manhã da última quarta-feira (11), que se estendeu até o início da noite. Segundo o Secretário Estadual de Segurança Pública (Sesp), André Garcia, seis pessoas foram identificadas.

O velório do soldado aconteceu na manhã desta quinta-feira (12), em Marataízes, e foi sepultado em Itapemirim.

O crime

O veículo, modelo Corolla, ficou destruído Foto: Reprodução

De acordo com ocorrência registrada no Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes), três homens pediram um táxi na praça Jerônimo Monteiro, em Cachoeiro de Itapemirim, com destino ao bairro União, no mesmo município. O táxi parou em um posto de gasolina abandonado, onde entraram outros dois rapazes.

Em seguida, os cinco suspeitos anunciaram o assalto e disseram ao taxista que o bando queria roubar outro veículo, em Marataízes, no litoral sul. Eles ainda teriam especificado que queriam roubar um Civic ou Corolla

Ao avistarem o veículo, os indivíduos abordaram o motorista, que seria o policial, e o teriam levado como refém. O carro foi encontrado queimado, no início da manhã desta quarta-feira, em Vargem Alta, também no sul do Estado. Já o corpo do rapaz foi encontrado, também pela manhã, na localidade de Brejo Grande do Sul, em Itapemirim. Eduardo foi assassinado com 13 tiros.