• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Aposentado tenta impedir boca de fumo e é assassinado a tiros na calçada de casa em Vila Velha

  • COMPARTILHE
Polícia

Aposentado tenta impedir boca de fumo e é assassinado a tiros na calçada de casa em Vila Velha

Um aposentado foi morto a tiros na noite desta segunda-feira (14), no bairro Vila Garrido, em Vila Velha. A polícia acredita que o motivo do crime seja um rixa entre a vítima e os traficantes da região. 

Dionísio Amâncio, de 37 anos, estava sentado na calçada perto de casa conversando com uma vizinha quando um homem de bicicleta chegou e começou a atirar. Um dos filhos da vítima chegou a ouvir o barulho dos tiros e correu atrás do assassino pela rua, mas não conseguiu alcançá-lo. Já a vizinha entrou em estado de choque e precisou ser levada para o hospital.

De acordo com os moradores, o homem sempre trabalhou como pedreiro e era uma pessoa que tinha o carinho de todos no bairro. “Um homem admirável. Nós ficamos surpresos com o acontecimento porque ele era um homem querido pela rua inteira. Nós tínhamos o prazer de ajudar esse senhor porque ele era uma pessoa carente, tem dois filhos, os criou desde pequenos. Eles sempre tiveram um vida decente. Nunca mexeram com nada errado”, disse o metalúrgico Luiz Cardoso.  

Próximo a cena do crime existe uma câmera de videomonitoramento da prefeitura e ela poderá ajudar a polícia na identificação do autor do crime. Porém, de acordo com os moradores, a câmera não funciona. 

Quem convivia com o aposentado diz que ele não tinha inimigos e nem motivos para ser assassinado. “Ele nunca apresentou qualquer reação de agressão física ou verbal com ninguém que seja. Então para nós isso foi uma surpresa muito grande. Ele sempre foi uma pessoa admirável”, contou o metalúrgico. 

A polícia suspeita que o aposentado possa ter sido morto porque tentava impedir o funcionamento de uma boca de fumo perto de casa.

Muitos moradores acompanharam o trabalho da polícia e reclamaram da insegurança do local. Segundo eles, acontecem muitos assaltos na região.

Ainda segundo a população, uma reunião foi marcada com o prefeito Rodney Miranda para esta segunda-feira para falar sobre a insegurança no bairro. Eles disseram que esse encontro aconteceria em uma escola municipal, mas que o chefe do Executivo não apareceu. 

Por meio de nota, a Secretaria de Prevenção e Combate à Violência de Vila Velha informou que as câmeras de videomonitoramento no município estão funcionamento normalmente. A secretaria informou ainda que não havia reunião agendada com a comunidade nesta segunda-feira. Além disso, não existe solicitação de agenda com o prefeito por parte da comunidade de Vila Garrido.