• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mulher é morta em distrito de Alegre com pedra de 20 quilos na cabeça

Polícia

Mulher é morta em distrito de Alegre com pedra de 20 quilos na cabeça

Acusado foi preso em flagrante e será encaminhado para o CDP de Cachoeiro de Itapemirim

Foto: Divulgação
Acusado foi preso em flagrante pela Polícia Militar

Uma mulher de 24 anos foi morta na madrugada deste domingo (14) após ter a cabeça esmagada por uma pedra de aproximadamente 20 quilos no distrito de Rive, em Alegre, região Sul do Estado. Mateus Batista de Oliveira, de 23 anos, foi preso pela Polícia Militar e com ele foram apreendidos uma tesoura com ponta e duas pedras de crack. O corpo da vítima foi encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro de Itapemirim, para ser identificado.

O crime aconteceu no campo de futebol do distrito de Rive, que fica próximo a uma escola e à praça central. 

Segundo a Polícia Militar, testemunhas informaram que viram Jussara Fernandes de Paula subindo a ladeira em direção ao campo com o acusado, que tem o apelido de Manguinha, e teria descido ensaguentado dizendo que iria para casa tomar banho.

As testemunhas que contaram o caso aos policiais encontrou Jussara caída no chão com uma pedra de aproximadamente 20 quilos em sua cabeça, que esmagou o crânio e acarretou em perda de massa encefálica. 

Manguinha foi para a praça de Rive, sentou-se em um dos bancos e a Polícia Militar realizou a abordagem logo que o viu. Ele confessou o crime, que teria sido motivado por Jussara supostamente ter relatado algo sobre o acusado.

Após ser levado para o DPJ de Alegre, Mateus será encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim, de acordo com a assessoria da Polícia Civil.