• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Troca de tiros entre policial e agente penitenciário foi mera confusão, dizem envolvidos

Polícia

Troca de tiros entre policial e agente penitenciário foi mera confusão, dizem envolvidos

Situação aconteceu no bairro Vale Encantado, em Vila Velha

Foto: Reprodução

O policial militar Juliano de Araújo, de 34 anos, que se envolveu em uma briga com um inspetor penitenciário, na qual ambos saíram baleados, disse em depoimento na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que atirou contra o inspetor porque achou que ele iria cometer um assalto. 

A confusão aconteceu no último domingo (14), no bairro Vale Encantado, em Vila Velha, quando o policial militar voltava de uma festa de aniversário. O policial estava no carro de um amigo, que também é soldado da Polícia Militar, quando aconteceu uma colisão envolvendo uma motocicleta.

Enquanto os policiais discutiam com o motociclista, o inspetor penitenciário, que ouviu a confusão da própria casa, decidiu ir ao local e intervir na briga. Segundo testemunhas, a troca de tiros teve início quando ele chegou ao local da discussão.

O policial militar levou um tiro de raspão na barriga, foi socorrido e liberado. O inspetor penitenciário também foi atingido na região do abdome, mas como o ferimento foi mais profundo, precisou permanecer hospitalizado. A Polícia Civil informou que os dois prestaram depoimento e o delegado de plantão entendeu que ambos agiram em legítima defesa, pois entenderam que eles perceberam uma situação de perigo iminente. O caso será investigado.