• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Insegurança dentro de casa: Grande Vitória tem aumento de furtos e roubos em residências

Polícia

Insegurança dentro de casa: Grande Vitória tem aumento de furtos e roubos em residências

De acordo com a Sesp, houve redução no número de ocorrências nos quatro primeiros meses do ano, em comparação com o mesmo período em 2018

Foto: Divulgação

Nem mesmo dentro de casa os capixabas estão totalmente seguros. De acordo com dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), apurados pela equipe de jornalismo da TV Vitória, já são 602 ocorrências de furtos e roubos a casas e condomínios de janeiro a abril de 2019. Em 2018, durante o mesmo período haviam sido registrados 557 casos.

Na região Metropolitana, Vila Velha lidera as invasões em domicílios. Na cidade canela-verde, de janeiro a abril de 2019 foram 202 ocorrências de roubo ou furto a residências e condomínios. No segundo lugar do ranking aparece a Serra, município mais populoso do Espírito Santo, onde foram 163 casos registrados, número menor que o mesmo período do ano passado, quando ouve 215 registros.

Cariacica também registrou aumento de ocorrências nos quatro primeiros meses deste ano. Foram 130 casos registrados, sendo 29 a mais do que em 2019. O menor número dos casos na Grande Vitória foi registrado na capital. Mesmo assim, o número é elevado. Foram 107 ocorrências do tipo.

Se na Grande Vitória o número de invasões aumentou, em todo o Espírito Santo, os números reduziram. De acordo com os dados da Sesp, de janeiro a abril de 2019 houve uma redução de 55 casos. Foram registrados 1932 ocorrências, sendo 174 de roubo e 1813 de furto. No mesmo período do ano anterior, foram 1987 casos, sendo 115 roubos e 1817 furtos.

Investimento em segurança

Ocorrências como estas não são restritas a bairros de periferia ou menos populosos. Em Jardim Camburi, um dos bairros mais populosos de Vitória, diversos casos já foram registrados. Um deles aconteceu durante a manhã, em plena luz do dia. Um homem se aproxima de um edifício residencial e mexe no interfone. A porta abre, ele entra e segue para o apartamento do gerente financeiro Leonardo Carvalho.

Segundo a vítima, ao chegar em casa, ele se deparou teve uma surpresa nem um pouco agradável. Ele conta que o apartamento estava todo revirado e vários objetos foram levados. Câmeras registraram a saída do suspeito do prédio. Ele ficou menos de meia hora no local e sai levando duas bolsas que, segundo a vítima, pertence a ela.

O Leonardo mudou fechaduras, instalou alarme no apartamento e registrou a ocorrência, seguindo todas as orientações que recebeu. No entanto, até o momento, não teve pistas sobre a localização do suspeito.

Confira a reportagem completa: