• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Temendo agressões, idosa chama a polícia após ameaças do próprio filho em Vitória

Polícia

Temendo agressões, idosa chama a polícia após ameaças do próprio filho em Vitória

A mãe informou para a polícia que o homem fica muito agressivo toda vez que bebe. Ele já foi preso outras três vezes e chegou a arrancar a tornozeleira eletrônica

A mulher diz não saber mais o que fazer com o filho Foto: TV Vitória

Uma aposentada, de 80 anos, procurou a polícia na manhã desta sexta-feira (7), em Vitória, para denunciar o próprio filho. De acordo com a idosa, José Raimundo, de 51 anos, costuma beber muito e ela teme agressões.

“Quando ele bebe ele é ruim mesmo. Quer agredir todo mundo. Ele já ameaçou até de morte. Essa noite eu não consegui dormir com medo dele colocar fogo na casa, pois ele já tentou fazer isso. Ele não conseguiu porque eu desliguei a botija de gás”, contou Etelvina Colodete, mão do acusado.

Etelvina contou que o filho vive na mesma casa que ela e nunca a agrediu fisicamente, mas os xingamentos e ameaças são constantes. A irmã do acusado não teve a mesma sorte. Ela apanhou do irmão e chegou a pedir medida protetiva.

José Raimundo já foi detido pelo menos três vezes por ameaça e agressão. “A prisão para ele é hotel. Eu peço muito a Deus nas orações que eu faço para que nada aconteça com ele”, disse a aposentada.

“A prisão para ele é hotel. Eu peço muito a Deus nas orações que eu faço para que nada aconteça com ele”, disse a aposentada

A última vez em que esteve preso foi no dia 3 de julho. No dia seguinte estava solto e foi para casa com uma tornozeleira eletrônica, que logo foi arrancada. “Ele ficou uns dias com a tornozeleira. Mais depois, quando ele estava bêbado, ele cortou a tornozeleira”, afirmou Etelvina.

A aposentada luta para conseguir uma internação para o filho. Segundo ela, ele precisa de ajuda para se livrar do vício em álcool. A idosa diz que não aguenta mais a situação do filho. “É só internando ou Deus levar ele para outro mundo, porque e nem sei mais o que vou fazer”, relatou.

O delegado Marcos Nery disse que José Raimundo será autuado em flagrante por ameaça e injúria. Como ele já é reincidente, vai pedir pela internação.