Pra tirar a RPPN do papel

RPPN

Desde 2013, um decreto estadual estabelece mecanismo de apoio e incentivo à chamada RPPN – Reserva Particular do Patrimônio Natural. Atualmente, há 57 dessas reservas em 22 municípios capixabas, que juntas somam mais de 6,2 mil hectares de área protegida. O deputado estadual Sergio Majeski (PSB) afirma que até hoje o Decreto 3384-R não saiu do papel. 

Incentivo

Pelo decreto, os proprietários, a equipe de trabalho e os responsáveis legais de RPPNs nos órgãos públicos deveriam receber apoio material, técnico e financeiro para a criação e implementação das unidades de conservação, podendo também desenvolver atividades recreativas, turísticas, de educação e pesquisa.

Indicação

Diante da falta de efetividade da norma legal, a Assembleia Legislativa aprovou Projeto de Indicação de Majeski ao Governo do Estado, que pede que o decreto seja colocado em prática.

Expectativa

A expectativa nesta terça (29) é com a vinda do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, para conhecer o programa Estado Presente, do governo capixaba, e visitar a central de videomonitoramento de Cariacica, município que faz parte do projeto piloto Em Frente Brasil. Moro também vai anunciar a criação da Guarda Municipal de Cariacica.

Cicerone

O senador Marcos do Val (PODEMOS/ES) anuncia pelas redes sociais que vem junto com Moro no voo da FAB. Vão chegar às 9h30 em Vitória.

Eleito

Na eleição do último domingo em Castelo, o vencedor foi Domingos Fracaroli (PSDB). A impressão é de que a cidade optou pela estabilidade, afinal, o vencedor – que era presidente da Câmara Municipal – já estava no cargo de prefeito desde o afastamento de Luiz Carlos Piassi (MDB) e do vice, Pedro Nunes (PSDB). Fracaroli e o vice dele, Éverton Zanuncio (PDT), vão assumir no dia 22 de novembro, para um mandato tampão até as próximas eleições, em 2020.

Assembleia Cidadã

A Assembleia Legislativa comemora os números do projeto Assembleia Cidadã, criado em 2019 pelo presidente da Casa, Erick Musso (REPUBLICANOS). Até hoje, mais de 10,5 mil pessoas foram atendidas por diversos serviços, como o Procon Assembleia, a Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor, o Posto de Identificação da Polícia Civil e a Procuradoria da Mulher.

Boca a boca

O serviço mais procurado é a emissão de carteira de identidade (4.713 pessoas), mas ainda está abaixo da capacidade operacional. A direção da Ales diz que toda a procura se deu graças à propaganda boca a boca. E aposta agora em investimentos em publicidade oficial para ampliar o leque de usuários do projeto. 

Hanseníase

O ES é um dos lugares com maior incidência de hanseníase no mundo. Para prevenir a doença, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) realiza, entre esta terça (29) até 6 de dezembro, uma espécie de mutirão pelo interior. Uma carreta equipada para funcionar como unidade de saúde itinerante, com cinco consultórios e um posto de coleta de exames, vai rodar por 20 municípios no período.

Foto da coluna: Folha Vitória.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *