• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Capixabas vão a Porto Alegre para apoiar o ex-presidente Lula durante julgamento

  • COMPARTILHE
Política

Capixabas vão a Porto Alegre para apoiar o ex-presidente Lula durante julgamento

A viagem deve começar às 17h desta segunda-feira e a previsão de chegada à cidade gaúcha é na madrugada de quarta-feira

Na tarde desta segunda-feira (22), 44 pessoas embarcaram rumo à cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, para participar dos atos em favor do ex-presidente Lula, que passará por julgamento na próxima quarta-feira (24).

A estimativa é de que a viagem dure cerca de 35 horas, iniciando às 17hs desta segunda, com previsão de chegada à cidade gaúcha por volta das 5h do dia do julgamento. De acordo Telmo Sodré, que é integrante de movimentos sociais capixabas e um dos organizadores da viagem, o grupo é composto pro integrantes de diversas partes do Espírito Santo.

Sodré explica que entre os participantes da viagem estão lideranças sindicais, representantes de igrejas católica e de outras denominações, grupo em apoio às mulheres, jovens, entre outros que participarão dos atos no local. "Vai haver toda uma coordenação da Frente Brasil Popular e vai ter, a partir das 8h, uma concentração para acompanhar o julgamento, que começa às 9h e deve ir até por volta das 13h", disse.

De acordo com o organizador, está prevista a participação de militantes de todos os Estados brasileiros e representantes de movimentos sociais de outros países, como Uruguai, Paraguai e Argentina. "Caso o julgamento seja cancelado ou remarcado, todos os atos vão acontecer assim mesmo. Tenho notícias de que pessoas do Piauí já estão em viagem desde sexta-feira para acompanhar o movimento", disse Sodré.

Sobre o resultado do julgamento, Sodré acredita que o resultado é imprevisível e afirma que não há pretensão de atos de baderna no local. "De repente, o Lula pode ter dois votos contra ele, não sei. Na minha opinião, está imprevisível. Mas queremos uma manifestação pacífica", afirma.

Durante a viagem, o grupo deve passar por uma formação política, com o propósito de dar seguimento às ações da organização e orquestrar os atos que devem ocorrer durante o ano. Os militantes devem iniciar a viagem de volta na noite do dia do julgamento. A chegada ao Espírito Santo está prevista para a manhã de sexta-feira (26).

Atos no Espírito Santo

Representantes do Partido dos Trabalhadores no Espírito Santo (PT-ES) vão se reunir para acompanhar o julgamento do ex-presidente Luíz Inácio Lula da Silva. Segundo o presidente estadual do PT, João Coser, será instalado um telão na Praça Costa Pereira e, a partir das 8h, eles estarão em vigília para assistir a sessão. Ainda de acordo com ele, também está previsto um ato quando o julgamento for encerrado.

Coser explica que, apesar do partido ter certeza da inocência de Lula, alguns fatores relacionados aos responsáveis pelo julgamento podem acabar prejudicando o ex-presidente. "Nós temos consciência da inocência de Lula e acreditamos na justiça, mas o conjunto que vai fazer esse julgamento já está demonstrando seu posicionamento", afirma.

Julgamento

Lula foi condenado pelo juiz federal Sérgio Moro, em primeira instância, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no valor de R$ 2,2 milhões a 9 anos e 6 meses de prisão.

Segundo a denúncia, os valores são correspondentes ao triplex e suas respectivas reformas no condomínio Solaris, no Guarujá, custeadas pela OAS. Se a condenação for confirmada pelo TRF-4, Lula pode ser impedido de disputar a eleição presidencial.