• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Saiba o que pode acontecer com quem não fizer o cadastramento biométrico

Política

Saiba o que pode acontecer com quem não fizer o cadastramento biométrico

O prazo para os eleitores de Vila Velha realizarem o serviço termina nesta sexta-feira

Termina nesta sexta-feira (19) o prazo para retirar a senha de atendimento na Central da Biometria para os eleitores de Vila Velha. A data final foi estendida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES), mas a partir da próxima semana, o atendimento será realizado apenas para quem fizer o agendamento.

Mesmo nas últimas horas, os eleitores ainda têm muitas dúvidas com relação ao que pode acontecer com as pessoas que não conseguirem realizar o cadastramento. De acordo com informações do TRE-ES, dentre as consequências, o eleitor que não fizer a biometria não conseguirá fazer a Carteira de Identidade ou passaporte, não pode se inscrever em concursos públicos e nem se matricular em entidades de ensino.

Para falar mais sobre isso, o chefe da Central da Biometria, Marcos Roberto Souza, participou na manhã desta quinta-feira (18) do programa Fala Manhã, e conversou com a apresentadora Andressa Missio para tirar dúvidas dos eleitores. Segundo ele, mais de 28 mil pessoas ainda não fizeram o cadastramento biométrico em Vila Velha, o que corresponde a cerca de 24% do eleitorado do município.

Acompanhe a entrevista:

Veja os direitos que o eleitor pode perder por não fazer o cadastramento:

1- Não pode se inscrever em concurso ou prova para cargo ou função pública, investir-se ou empossar-se neles;

2- Não recebe vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público, autárquico ou paraestatal, bem como fundações governamentais, empresas, institutos e sociedades de qualquer natureza, mantidas ou subvencionadas pelo governo ou que exerçam serviço delegado correspondentes ao segundo mês subsequente ao da eleição;

3- Não consegue obter Passaporte ou Carteira de Identidade;

4- Não participa de concorrência pública ou administrativa da união dos Estados dos territórios do Distrito Federal ou dos municípios, ou das respectivas autarquias;

5- Não obtém empréstimos nas autarquias, sociedades de economia mista, Caixas Econômicas Federais ou estaduais, nos institutos de nas Caixas de Previdência Social, bem como em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo Governo ou de cuja administração este participe e com essas entidades celebrar contatos. 

6- Não renova matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo;

7- Não pratica qualquer ato para o qual se exija quitação do Serviço Militar ou Imposto de Renda;

8- Não obtém Certidão de Quitação Eleitoral conforme disciplina a RES.-TSE Nº 21.823/2004.

9- Não obtém qualquer documento nas repartições diplomáticas a que estiver subordinado.