• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Casais que conversam sobre sexo tem relacionamento mais duradouro

  • COMPARTILHE
Saúde

Casais que conversam sobre sexo tem relacionamento mais duradouro

Diferenças e preferências afetam a intimidade quando não são ditas para o parceiro

Larissa Agnez

Redação Folha Vitória
Foto: Pixabay
Apreciar o que seu parceiro faz por você é uma forma de estreitar os laços amorosos. 

Ainda existem pessoas que não se sentem confortáveis em falar sobre sexo e muitas dúvidas acabam surgindo a respeito deste assunto. O sexo é uma parte importante do relacionamento e faz bem para a saúde, pois libera a endorfina, hormônio do prazer, responsável por gerar adrenalina, tranquilidade e alegria. 

Poucos casais conversam sobre sexo, principalmente quando é necessário falar sobre preferências e necessidades. As pessoas vêem o sexo de uma forma diferente. Algumas tem mais necessidades, outras menos. Para alguns, sexo é mais importante do que para outros, mas todas essas diferenças acabam afetando outras áreas do relacionamento se o casal não se comunicar de uma forma saudável.

Para que o casal possa falar sobre o assunto e ter um relacionamento mais íntimo e duradouro, a coach de relacionamento e sexualidade, Margareth Signorelli sugere algumas dicas. 

Fale: Não assuma que o seu parceiro sabe que existe um problema ou carência sua, mesmo depois de você já ter dado dicas sobre o assunto. Fale com clareza sobre o que você necessita;

Hora certa: Não fale sobre o assunto durante ou imediatamente após o sexo. Procure uma hora em que você esteja mais calmo;

Intenções: Comece sua conversa mostrando suas intenções e que seu objetivo não é que a pessoa se sinta culpada e sim gerar uma maior intimidade entre vocês dois;

Seja claro: Deixe claro o que você precisa. Se é qualidade ou quantidade. Não se intimide e fale como gosta de ser tocado;

Desejos e necessidades: Pergunte ao seu parceiro se ele está alcançando seus desejos e necessidades e se você pode fazer ou mudar alguma coisa para agradá-lo. Pergunte se há algo novo que ele gostaria de testar;

Explore habilidades: É preciso estar aberto para explorar novas possibilidades, lugares diferentes, técnicas e frequências;

Intimidade e conexão: Na hora de fazer sexo não se preocupe em repetir a sequência. Sexo é brincadeira, prazer, humor. Imagine que o corpo do outro é seu parque de diversões e que seu corpo é o dele;

Guie seu parceiro – Não se intimide em mostrar para o outro a forma dele lhe dar prazer. Faça através de um olhar, de um movimento delicado e amoroso;

Apreciação- Fale um com o outro sobre os progressos que estão tendo juntos. Será nessa atmosfera de amor e conexão que a sua intimidade crescerá fazendo com que boa parte do seu relacionamento esteja equilibrado, contribuindo para que outras áreas também possam fluir melhor.