Cigarro é vilão dos nutrientes. Dicas da Nutri que Corre para desintoxicar do tabaco

O cigarro tem cerca de 4.720 substâncias. Existem três delas que comprometem muito o desempenho do atleta: 

Nicotina – diminui o tamanho das artérias, que levam o sangue até o músculo, gerando um desempenho muscular bem menor, e também aumenta os batimentos cardíacos;

Alcatrão – diminui a elasticidade do pulmão;

Monóxido de carbono, compete com o oxigênio, e por isso o indivíduo que fuma tem falta de ar.

Cigarro é uma das drogas que mais causa dependência. Se a pessoa quer parar de fumar, a motivação é muito importante, traçar estratégias como o exercício, além do uso de medicação e técnicas psicoterápicas, que também ajudam no processo. O exercício regular, como a corrida, dá uma sensação de prazer, que estimula a pessoa a cada vez mais repetir o comportamento e isso vai deixando o cigarro em segundo plano, o cérebro vai se organizando de outra forma. O prazer do esporte tem que estar associado, não adianta fazer uma atividade só para parar de fumar. O ideal é que a pessoa se sinta bem.

A nicotina compete com os nutrientes vindos dos alimentos na absorção celular. Ou seja, entra no lugar destes, o que faz com que eles não sejam aproveitados da maneira que deveriam. Isso acontece principalmente com as vitaminas e os minerais.

Ou seja, o cigarro retira do organismo uma série de nutrientes que agem como antioxidantes: o betacaroteno, o selênio e as vitaminas E do complexo B. Quem fuma, e até quem já largou o cigarro, precisa de alimentação especial para repor esses nutrientes. Para repor esses nutrientes abuse de frutas, cereais, legumes, ervilha e feijão. Para temperar as saladas, opte por suco de limão, alho, cebola e ervas. Prefira sempre os alimentos frescos, congelados e secos. É que a comida enlatada perde 50% dos antioxidantes no processo de industrialização. Outra dica: ao preparar seus pratos, evite altas temperaturas. O calor gera grandes quantidades de radicais livres e elimina, na contrapartida, muitos antioxidantes.

Para quem abandona o tabaco tende a engordar. Isso acontece porque o paladar melhora e as guloseimas substituem o cigarro na hora de aplacar a ansiedade. No primeiro ano, os ex-fumantes chegam a engordar 3 quilos. Depois de dez anos de abstinência, o ponteiro da balança pode subir 8 quilos. O corpo deixa de queimar tantas calorias quanto antes por causa da ausência da nicotina. Ou seja a saída é realmente correr, correr e correr literalmente, a pratica da corrida libera toxinas indesejadas, repõe energia e reduz calorias extras.

Os alimentos a seguir, ajudam a eliminar a nicotina e outras toxinas do corpo:

Água: A água é a bebida da vida. Elimina toxinas do corpo pela pele, via suor. Além disso, a nicotina desidrata o corpo, então você necessita de água para reidratá-lo. Portanto, deve ingerir entre 8 e 12 copos de água, todos os dias;

Laranjas: contêm altos níveis de vitamina C, aceleram o metabolismo e reduzem o estresse;

Kiwi: repõe as vitaminas A,C e E que o fumo reduz;

Suco de cenoura: Contém vitaminas A, B, C e K, que eliminam a nicotina do corpo. A bebida tem altas concentrações de vitaminas que repõem os nutrientes da pele para fazê-la ficar viçosa, uma vez que a nicotina faz com que a pele pareça sem vida;

Brócolis: contêm altos níveis de vitaminas B5 e C, além disso, protege os pulmões dos danos;

Espinafre: Faz com que o tabaco tenha um gosto ruim e é rico em vitaminas e ácido fólico;

Ervas aromáticas secas: reduzem a nicotina do corpo e são ricas em vitaminas A e E;

Frutas vermelhas: Eliminam toxinas do corpo, ricas em antioxidantes.

Romã: O romã ajuda à circulação do sangue e o equilíbrio numérico das células.

Ou seja, para uma dieta detox da nicotina, abuse desses alimentos.

Bons treinos!!


Bianca Passos Nutricionista Dicas da Nutri que CorreA seção “Dicas da Nutri que Corre” é publicada às terças-feiras. Bianca Passos é graduada pela Faculdade Salesiana e pós-graduada em Nutrição Clínica, Funcional e Estética pela Faculdade Salesiana. Participou das maratonas do Rio, do Espírito Santo, Uphill, Buenos Aires, Desafio do Pateta na Disney (21k e 42km), além de duas ultramaratonas – Desafio da Promessa e Desafio Vitória- Anchieta – com 65km.

Bianca PassosBianca Passos
Nutricionista Clínica, funcional e estética, Personal Diet
CRN-4: 12101198
Telefones: 3345-6500|99829-2117

Daniela Künsch

(1443Publicações)

Daniela Künsch é jornalista desde 2002, editora chefe do jornal Folha Vitória e corredora amadora. Depois de chegar aos 133 quilos, perdeu 65, e encontrou na corrida força e inspiração para não voltar à obesidade.