Jun 2024
11
Dra. Alice Sarcinelli
SAÚDE EM FÓRUM

porDra. Alice Sarcinelli

Jun 2024
11
Dra. Alice Sarcinelli
SAÚDE EM FÓRUM

porDra. Alice Sarcinelli

Assistência de excelência ao paciente

Como você vê um encontro de profissionais de saúde para discutir questões da área?

É super importante porque a gente entende, não só na saúde, mas como em todos os outros segmentos que, às vezes, as ideias são boas mas são desconectadas. Então aqui é uma grande oportunidade de colocar todos os setores no mesmo ambiente para que a gente possa trocar informações e otimizar a qualidade de serviços prestados a nossos beneficiários em geral.

Na sua área qual é o seu melhor maior desafio?

É tentar equalizar assistência primária, secundária e terciária, ou seja, médicos, especialistas e hospitais. Fazer todo mundo enxergar o paciente da mesma forma.

O que é necessário ajustar e qual o investimento para conseguir isso?

Precisamos aproximar os setores de auditoria aos setores hospitalares em um único movimento que é aumentar a qualidade assistência. Então, precisamos ter mesas redondas que aproximem esse segmento, para que todo mundo consiga “puxar a corda” para o mesmo lado. Hoje, o que temos percebido é que cada setor da saúde está puxando a corda pro lado diferente.

Qual o investimento no seu setor que você vê nos últimos anos?

Eu acho que tem que ter um investimento preciso na capacitação de bons auditores em saúde, pois o estado tem poucos, principalmente, reconhecidos pela Sociedade Brasileira de Auditoria Médica. Precisa também capacitar gestores hospitalares, pois ainda estamos engatinhando para começar a formar valores e precificações justas para o mercado.

Quantos porcentos que o setor representa na saúde?

O setor de medicina suplementar, que trabalha com autogestão ou empresa de grupo, tem cerca de 70% de mercado. Vale salientar que nossa empresa oferece benefícios como a garantia de uma assistência de qualidade ao beneficiário, gestão eficiente, geração de indicadores de saúde, controle integral das internações, transparência entre hospitais e operadoras de saúde, identificação e correção de falhas, otimização de processos da instituição, controle de riscos e redução de custos. É referência para operadoras de saúde e para a população.

 

 

Veja também

As informações/opiniões aqui escritas são de cunho pessoal e não necessariamente refletem os posicionamentos do Folha Vitória

Pular para a barra de ferramentas