O mercado imobiliário está vendendo ou não?

Essa é uma pergunta que boa parte dos corretores e profissionais de Venda e Marketing do setor tem feito: afinal, o mercado imobiliário voltou ou não voltou?

Embora não saibamos quando será a retomada da normalidade, se é que será possível, as perspectivas para o mercado imobiliário são otimistas, mesmo em tempos de transição pandêmica. A grande maioria das pessoas que atua no setor já notou caminhos mais rápidos para uma retomada nas vendas. Aqueles que ainda não entenderam como usufruir dos benefícios desta recuperação do mercado, precisam conhecer alguns toques importantes de quem, verdadeiramente, está conseguindo bons resultados financeiros deste momento.

Na realidade, a pandemia da Covid-19 transformou o mundo como um todo, promovendo novos hábitos e necessidades de moradia, o que, para alguns setores da economia, tem provocado preocupações. No que diz respeito ao mercado imobiliário, algumas tendências são observadas por parte das empresas e profissionais que atuam na área, além dos próprios clientes.

Mais do que nunca, é necessário oferecer oportunidades adequadas para suprir os anseios e demandas desse novo perfil do consumidor, levando em consideração fatores como agilidade no momento da busca e diversidade das ofertas e um ajustamento de atendimento dentro da rotina do cliente. Quem entendeu isso, obviamente já está colhendo bons frutos.

Conheça agora algumas importantes informações para que você também consiga se reajustar e focar no lugar onde a venda está, de fato, acontecendo.

  • O aumento do câmbio proporcionou, aos brasileiros que moram no exterior, uma riquíssima oportunidade de se investir em imóveis. Com a baixa dos juros e com o Custo Unitário Básico (CUB) apontando para baixo, quem tem optado por investir sua moeda estrangeira no mercado imobiliário, faz uma excelente escolha – especialmente nas regiões onde há projeção de valorização imobiliária, tem se demonstrado mais acentuada essa situação, como a Praia de Itaparica, Jardim Camburi, Barro Vermelho e outros bairros de Vila Velha e, em grande medida, no município da Serra.
  • Embora não seja algo tão novo, a utilização da rede de relacionamentos dos profissionais do setor, como, por exemplo, os contatos do WhatsApp, é uma excelente estratégia para potencializar as vendas para o mercado imobiliário.

Quem confirma a eficácia dessa estratégia é o especialista em Vendas, Jordão Silva.

  • A aquisição de novas habilidades com as Redes Sociais também tem trazido bons resultados para muitas pessoas que atuam no setor, conforme também afirma o corretor Bruno Queiroz.
  • O lançamento de produtos/empreendimentos pelas construtoras, mesmo em um contexto econômico incerto, também se configura como uma rica oportunidade, e muitas delas têm colhido excelentes frutos dessa “coragem”.

O diretor comercial da Mivita Construtora, Thiago Sirtoli Campagnaro, declara que estamos passando por um novo e pequeno “boom” no mercado imobiliário. “Hoje, com a queda das taxas de juros e com a baixa da Selic, as pessoas estão pulverizando seus investimentos e optando por imóveis, um excelente investimento seguro”.

  • Acompanhando a tendência do mercado, também percebemos no município de Serra uma grande oportunidade para o profissional que trabalha tanto na região, quanto na Grande Vitória.

Um promissor lançamento é prometido para até o final do ano, segundo o proprietário da construtora Pinheiro de Sá, Nailton Pinheiro Filho.

Após um profundo e minucioso estudo do mercado, e ao perceber a tendência da busca do novo cliente por uma região mais tranquila e próxima à natureza para adquirir um imóvel, a construtora aposta alto num empreendimento que atenda todas as demandas desse consumidor que teve seu pensamento reformulado devido ao atual momento de isolamento social.

Para conhecer mais informações sobre esse e outros empreendimentos, fique ligado no “Imóvel para Você”, pois todo dia teremos conteúdo novo com as melhores oportunidades do mercado para quem quer faturar alto.

Thiago Abreu

3 Respostas para “O mercado imobiliário está vendendo ou não?

  1. Imóvel é e sempre será “a bola da vez” quando o assunto é investimento.
    E o momento, mais que propício, principalmente pela taxa baixa de juros, que acarreta uma demanda no mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *