Thiago Abreu
IMÓVEL PARA VOCÊ

porThiago Abreu

Dez 2020
19
Thiago Abreu
IMÓVEL PARA VOCÊ

porThiago Abreu

Dez 2020
19

Vaz Desenvolvimento antecipa lançamento para atender aumento da demanda

Para 2021, a Vaz Desenvolvimento Imobiliário se prepara para lançar um grande projeto em Santa Leopoldina, ainda no primeiro semestre, com a construção de um equipamento turístico e imobiliário. A loteadora, em seu cronograma, programou o lançamento para 2022, no entanto, com a pandemia, cresceu a procura por lugares em que se possa viver com mais tranquilidade, espaço, segurança e refúgio. “Adiantamos o lançamento para 2021 com o intuito de proporcionar um ambiente em que as pessoas possam desfrutar de entretenimento, ter sua casa em um condomínio de chácaras com conceito clube e qualidade de vida. Um ambiente rural, com áreas verdes, conforto, diversos espaços de lazer, mas bem próximo da cidade”, explicou Douglas Vaz, diretor-presidente da loteadora Vaz.

O projeto, localizado na Fazenda Barra do Mangaraí, será construído em três fases: a primeira será o condomínio de chácaras, na sequência, o restaurante e, por último, o hotel. O casarão que será o restaurante faz parte do berço histórico, local de nascimento do primeiro governador do Estado e que preserva grande parte das características originais. Os projetos serão assinados pelo arquiteto Kennedy Viana, com restauração do casarão por Tarick Assaf. O empreendimento, na fase de implantação do condomínio de chácaras, irá gerar 80 empregos diretos e 100 indiretos, no entanto, para a construção das casas serão aproximadamente 400 oportunidades. Para o funcionamento da estrutura de hotel e restaurante serão cerca de 50 pessoas empregadas diretamente, aquecendo a economia da região.

O Projeto Eco Vaz fará parte do empreendimento, com preservação de áreas verdes e fauna local. Para isso, aproximadamente 40 profissionais ficarão responsáveis pela recuperação e reflorestamento das nascentes, monitoramento dos lagos e educação ambiental dentro do condomínio de chácaras de lazer. A loteadora ainda não está contratando, mas logo após o registro e o licenciamento ambiental fará a divulgação das vagas, bem como o processo de inscrição. A intensão da Vaz é aproveitar a mão de obra do povo quilombola, presente na região de Santa Leopoldina.

Proeng lança empreendimento de 2 e 3 quartos na Praia de Itaparica

A Praia de Itaparica já é um endereço procurado por muitos para começar o sonho da casa própria. Mobilidade, oferta de serviços, proximidade da praia, entre outras características, tornam a região entre as mais desejadas para se viver. O Grupo Proeng tomou a iniciativa de investir mais uma vez no local e irá lançar um novo empreendimento de dois e três quartos com vista parcial para o mar: o Beach Walk Proeng Home. Localizado na Rodovia do Sol, o novo condomínio terá unidades com área privativa entre 59,87m² e 79,85m². Além disso, contará com espaços funcionais e compartilhados com coworking, convenience service, beach point, sport point, bike sharing e sea lounge. A área de lazer também será um diferencial com salão de festas, gourmet grill, praça da família, playground, área descoberta, piscina, deck molhado, sauna integrada à piscina e fitness.

Postado Agora

Índice Nacional da Construção Civil sobe 1,82%, diz pesquisa do IBGE

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi) subiu 1,82% em novembro, a maior alta do ano e a maior variação desde julho de 2013. O resultado é 0,11 ponto percentual superior ao de outubro (1,71%). No ano, o acumulado ficou em 8,06%, enquanto nos últimos 12 meses é de 8,30% contra 6,48% nos 12 meses imediatamente anteriores. Em novembro de 2019, o índice ficou em 0,11%.

Postado Agora

Condomínios estão aderindo às portarias remotas

Com a pandemia e o desenvolvimento tecnológico, o sistema chamado de "portaria remota" tem crescido nos condomínios brasileiros. Com isso, os porteiros têm que se adaptar à nova forma de exercer a profissão. É a transformação digital do mercado imobiliário produzindo significativos resultados e modernização de processos.

Postado Agora

Para enfrentar escassez de aço, empresas se unem e importam matéria-prima da Turquia

Para driblar a falta de aço no mercado nacional, empresas do setor de construção civil se reuniram em uma espécie de cooperativa para importar a matéria-prima da Turquia. De acordo com o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Paraná (Sinduscon-PR), um pedido de 20 mil toneladas de aço deve desembarcar no porto de Itajaí nos próximos dias. A cooperativa atende empresas dos três estados da Região Sul.

As informações/opiniões aqui escritas são de cunho pessoal e não necessariamente refletem os posicionamentos do Folha Vitória

Pular para a barra de ferramentas