Gastos com a conta de energia elétrica podem ser reduzidos em mais de 30%

Economia

Gastos com a conta de energia elétrica podem ser reduzidos em mais de 30%

Adoção de medidas simples quanto ao uso de equipamentos como ar-condicionados, eletrodomésticos e eletroeletrônicos diminuem o consumo de luz

Medidas simples podem reduzir gastos com energia Foto: ​TV Vitória

Durante o verão, a alta temperatura, aliada às férias escolares e a maior permanência das pessoas em casa podem refletir no aumento do consumo de energia sem que o consumidor perceba. O maior uso dos aparelhos para conter o calor e o aumento do uso de eletroeletrônicos pode ampliar o valor da conta de luz em mais de 30%. Somado ao aumento no preço da eletricidade que começou a vigorar no início de 2015, o gasto acaba pesando no bolso do consumidor.

Segundo a EDP Escelsa, manter janelas e portas fechadas quando o ar condicionado estiver funcionando ajuda na redução. Além disso, evitar o abre e fecha constante da geladeira e acumular roupas sujas para utilizar a máquina de lavar em sua capacidade máxima são algumas atitudes que, em conjunto, podem fazer a diferença e trazer redução do valor da conta de energia no final do mês. 

O aparelho de ar-condicionado, por exemplo, deve ser desligado se o ambiente ficar vazio por um longo espaço de tempo. Para que o equipamento não consuma mais energia do que o necessário, o recomendado é deixar todas as portas, janelas, persianas e cortinas fechadas, para evitar a entrada do calor no ambiente e não forçar a capacidade do aparelho. 

Evitar deixar os equipamentos eletrônicos em modo stand-by, que também consomem energia, e não dormir com os aparelhos ligados auxiliam a controlar os gastos de luz. Juntar roupas para lavar e passar de uma só vez, utilizar as lâmpadas fluorescentes e pintar teto e paredes internas com cores claras para refletir melhor a luz favorecem a redução de gasto de eletricidade.