Economia

Manifestação na Suzano bloqueia entrada de funcionários no Norte do ES

Desde a última sexta-feira (7), integrantes de comunidades protestam contra a apreensão de dois caminhões, na entrada da Suzano

Dayse Torres

Redação Folha Vitória
Foto: Suzano

Uma manifestação está bloqueando o acesso às instalações da empresa Suzano, em Conceição da Barra, Norte do Espírito Santo. O protesto está sendo realizado desde a última sexta-feira (7). Na manhã desta quarta-feira (12), a entrada dos ônibus que levam os trabalhadores foi bloqueada, impedindo o acesso de cerca de 70 colaboradores ao local. 

De acordo com a Suzano, o problema começou depois que dois caminhões de madeira foram apreendidos pela polícia, na última sexta-feira (7), devido à irregularidades fiscais, de carga e de documentação.

Segundo a empresa, os manifestantes querem que a Suzano intervenha para liberar os veículos, mas essa é uma ação que foge da competência da empresa.

Ainda segundo a Suzano, os manifestantes furtaram refeições que iriam alimentar trabalhadores, tomaram um carro da empresa e o utilizaram para bloquear a passagem. 

De acordo com informações da Suzano, os manifestantes são integrantes de algumas comunidades vizinhas.

A Suzano informou que acionou as autoridades competentes e aguarda o restabelecimento da normalidade da situação. A empresa informa que preza pelo diálogo buscando sempre fortalecer o relacionamento com todas as partes interessadas presentes em seus territórios de atuação e repudia práticas como manifestações dessa natureza, que em nada contribuem para esse diálogo. 

Suzano
Suzano
Suzano
Suzano
Suzano

Transporte da madeira deve conter todas as documentações previstas

A Polícia Militar informou que foi acionada pela empresa de celulose para prestar apoio por causa do protesto realizado pela comunidade, em frente ao centro de operações, em Conceição da Barra, com impedimento de saída e entrada de veículos. 

As equipes da Polícia Militar estão no local e, pelas informações, a manifestação ocorre de forma pacífica, sendo negociado, constantemente, o desbloqueio das passagens dos funcionários da empresa. 

Pela manhã, ônibus com funcionários foram impedidos de circular por determinado período, mas as pessoas foram colocadas em veículos e retiradas por outras vias. Não há informação de ninguém retido pelos manifestantes no momento.

Em relação às apreensões, as ações de fiscalização são pontuais. O transporte da madeira deve conter todas as documentações previstas. Caso não seja apresentado, o material, assim como o veículo, são retidos.

Manifestação pacífica

A Polícia Rodoviária Federal informou que, na manhã desta quarta-feira (12), houve uma manifestação, por volta das 7 horas, em frente ao portão da Suzano, fora da rodovia federal, sem impacto no trânsito.   

Equipes da PRF, da Unidade Operacional (UOP) de São Mateus, disseram que os manifestantes não irão intervir no trânsito da BR. Na tarde desta quarta-feira (12), os manifestantes estavam pacíficos e fora da área da BR

Foto: divulgação/ Suzano

A PRF disse, ainda, que na noite desta terça-feira (11), por volta das 22 horas, houve uma manifestação no local, com cerca de 50 participantes, mas fora da rodovia.

O Folha Vitória não conseguiu falar com integrantes das comunidades quilombolas. 





Pontos moeda