• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chery diz estar disposta a dialogar com metalúrgicos para evitar greve em Jacareí

Economia

Chery diz estar disposta a dialogar com metalúrgicos para evitar greve em Jacareí

São Paulo - A montadora chinesa Chery informou, em nota, que vem mostrando disposição e mantendo diálogo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos "há meses", em busca de um acordo que atenda aos interesses da empresa e de seus funcionários da fábrica de Jacareí (SP), que ameaçam entrar em greve na sexta-feira, em protesto contra baixos salários e condições de trabalho.

A empresa afirmou que segue "rigorosamente" a legislação brasileira desde o início de suas atividades no País como importadora, em 2009. Segundo a Chery, esse compromisso foi reforçado por meio de um "time de Saúde e Segurança do Trabalho", formado por profissionais preparados para garantir as condições de trabalho de acordo com as exigências legais nas diversas áreas e etapas que compõem todas as operações da fábrica.

A montadora destacou que aguarda a nova reunião com o sindicato, marcada para esta quarta-feira, cujo objetivo é aprovar uma proposta que atenda, "da melhor forma", aos interesses da montadora e dos trabalhadores. Caso as negociações não avancem, o presidente do sindicato, Antônio Ferreira de Barros, promete entregar à montadora o aviso de greve, já aprovado na assembleia desta terça-feira, 24, deflagrando a paralisação a partir desta sexta-feira.

Na manhã desta terça-feira, 24, metalúrgicos da unidade já pararam as atividades por cerca de duas horas e meia. Segundo o presidente do sindicato, o salário inicial na unidade é de cerca de R$ 1,2 mil, menor do que a média de R$ 2 mil pagos por outras montadoras da região. O sindicato reclama ainda dos serviços do setor de funilaria e solda, que seriam feitos de forma braçal, e da terceirização do setor de manuseio. Também há reclamações quanto à qualidade da alimentação.

Empregos

A fábrica da Chery em Jacareí foi inaugurada em agosto de 2014 e possui cerca de 500 funcionários. Na unidade, está sendo produzido, desde 6 de fevereiro, o modelo Celer, cujo lançamento está previsto para 14 de abril. Com a crise econômica e o dólar alto, recentemente a montadora reduziu de 30 mil para 25 mil unidades a previsão de produção para este ano, o que fará com que a fábrica opere com metade da sua capacidade instalada (50 mil).

Mesmo vivendo esse período de revisão de estratégia, a Chery reafirmou que pretende levar a adiante os planos de criar mais 120 vagas no segundo semestre. "A Chery reafirma seu compromisso de continuar contribuindo com o desenvolvimento da região do Vale do Paraíba, com a criação de mais 120 vagas de emprego no segundo semestre de 2015", disse o vice-presidente da Chery Brasil, Luiz Curi, na nota à imprensa.