Egito planeja pagar sua dívida com petroleiras até meados de 2016

Economia

Egito planeja pagar sua dívida com petroleiras até meados de 2016

Redação Folha Vitória

- O Egito planeja pagar sua dívida de US$ 3,1 bilhões com as companhias internacionais de energia que operam no país até a metade de 2016, quase um ano depois do inicialmente planejado, informou o ministro de Petróleo, Sherif Ismail, nesta terça-feira.

"Nós já reduzimos a dívida de US$ 6,3 bilhões, no início de 2013, para US$ 3,1 bilhões no final do ano passado. Não temos um cronograma específico para os próximos pagamentos, mas planejamos pagar o total até a metade de 2016", disse o ministro em entrevista ao Wall Street Journal.

Desde a derrubada do presidente Hosni Mubarak, em 2011, e da turbulência que se seguiu, o Egito tem lutado para pagar as companhias internacionais de energia que fornecem petróleo e gás para o mercado interno, incluindo as empresas BP, Apache, BG Group e Dana Gas.

As autoridades egípcias esperam que a divulgação do compromisso de pagamento encoraje as empresas a continuar investindo em pesquisa e exploração, desenvolvendo atividades no país.

Em novembro de 2014, o governo declarou que planejava quitar toda a dívida em seis meses com as companhias internacionais de petróleo e gás, uma data que agora estava próxima, antes do anúncio desta terça-feira.

O Egito sofreu uma desaceleração nas atividades de exploração de petróleo e gás nos últimos anos, uma consequência da instabilidade política. Fonte: Dow Jones Newswires.