• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

OCDE indica estabilidade em janeiro no crescimento econômico do Brasil

Economia

OCDE indica estabilidade em janeiro no crescimento econômico do Brasil

Paris - Os indicadores antecedentes da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) apontam que o crescimento econômico na Itália, na França e na zona do euro como um todo apresenta sinais positivos. As previsões da instituição para as maiores economias do mundo é de que elas devem permanecer nos atuais níveis pelos próximos meses.

Os indicadores antecedentes da OCDE para todos os seus 34 membros subiram de 100,3 pontos em dezembro (dado revisado) para 100,4 pontos em janeiro. Leituras acima de 100 pontos indicam que a economia de dado país ou região deve expandir em sua atual tendência ou segundo a média das últimas décadas.

Na França, o indicador avançou de 100,5 pontos em dezembro, para 100,6 pontos em janeiro. No mesmo sentido, as previsões para a Itália melhoraram de 101,0 pontos em dezembro para 101,2 pontos em janeiro. O documento projeta também que o crescimento na zona do euro deve continuar nos primeiros meses de 2015, com o índice passando de 100,6 pontos para 100,7 pontos em janeiro, assim como projetou o Banco Central Europeu (BCE). Na semana passada, o BCE elevou a expectativa de expansão da zona do euro de 1,0% para 1,5% neste ano, de 1,5% para 1,9% em 2016 e projetou crescimento de 2,1% em 2017.

No Brasil, a leitura foi de 99,4 pontos em janeiro, resultado marginalmente superior ao verificado em dezembro, quando o indicador antecedente ficou em 99,3 pontos, indicando estabilidade no crescimento. Nos Estados Unidos, o indicador ficou inalterado em 100,2 pontos.

Entre as maiores economias do mundo, as duas únicas exceções foram a Índia, com perspectiva de aceleração do crescimento, com o índice passando de 99,3 pontos em dezembro para 99,5 pontos em janeiro, e a Rússia, com projeção de desaceleração, ao registrar retração no indicador, de 99,5 pontos em dezembro para 99,3 pontos em janeiro.

Os indicadores da OCDE foram divulgados nesta segunda-feira, 9, e tomam por base dados verificados até janeiro de 2015. Eles preveem sinais de mudanças entre a expansão ou redução da atividade econômica. Fonte: Dow Jones Newswires.