• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Banco do México reduz estimativa para crescimento da economia mexicana neste ano

Economia

Banco do México reduz estimativa para crescimento da economia mexicana neste ano

Cidade do México - O Banco do México reduziu sua estimativa para o crescimento da economia mexicana neste ano, citando expectativas de aumento mais lento na demanda por produtos do país comprados pelo setor manufatureiro dos EUA e a desaceleração global.

No relatório de inflação do quarto trimestre publicado hoje, o banco central afirmou esperar que o Produto Interno Bruto (PIB) do México cresça entre 2,0% e 3,0% em 2016, menos que a estimativa anterior de 2,5% a 3,5%. No ano passado o PIB mexicano teve expansão de 2,5%.

O Banco do México prevê que a inflação terminará o ano perto da meta de 3,0%, embora aumentos sazonais nos preços de alguns produtos possam elevar a taxa um pouco acima desse patamar no segundo e no terceiro trimestres. A taxa anual de inflação subiu para 2,9% em meados de fevereiro, de 2,1% no fim do ano passado.

A ausência neste ano de alguns choques de oferta favoráveis, o efeito de um peso mais fraco sobre alguns produtos e a recente flexibilidade nos preços da gasolina podem contribuir para elevar temporariamente as taxas de inflação, afirmou o banco central.

Para 2017, o Banco do México reduziu a estimativa de crescimento da faixa de 3,0% a 4,0% para 2,5% a 3,5% e afirmou esperar que a inflação se estabilize em 3,0%. Fonte: Dow Jones Newswires.