Desarticulação do governo gerou imenso prejuízo, diz Luiz Flávio Gomes

Economia

Desarticulação do governo gerou imenso prejuízo, diz Luiz Flávio Gomes

O deputado Luiz Flávio Gomes (PSB-SP) criticou nesta quarta-feira, 3, a desarticulação do governo na defesa da reforma da Previdência, o que, segundo ele, gerou "imenso prejuízo". "No vácuo, alguém assume", alertou durante audiência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que tem a presença do ministro da Economia, Paulo Guedes, para explicação da reforma. "O que se assumiu como discurso? Que pobres serão mais prejudicados, então ficou no tema de BPC e rural. É preciso que governo dê explicação ou elimine logo (esses pontos) para que dê andamento", afirmou.

Embora reconheça a necessidade da reforma, Gomes defendeu uma cobrança mais efetiva das dívidas previdenciárias. "Combater privilégios não é quem está no 8º ou 9º andar, mas sim quem está na cobertura", disse.

Respeito

Antes da participação de Guimarães, após uma série de bate-bocas entre parlamentares e o ministro, o deputado José Guimarães (PT-CE) aconselhou o ministro a adotar um tom mais moderado em suas colocações.

Guedes já se dirigiu com ironia ao plenário da CCJ citando, por exemplo, a Venezuela como um lugar que pagaria aposentadorias melhores que o Chile, seu exemplo de sucesso para a capitalização. "Aconselho o senhor a respeitar essa Casa. Quem tem poder (de voto) somos nós", avisou Guimarães.