Líbia planeja mudança em licenças de petróleo

Economia

Líbia planeja mudança em licenças de petróleo

Empresas estrangeiras frequentemente reclamam que termos contratuais punitivos, além de questões de segurança, representam barreiras contra o investimento no setor de petróleo da Líbia

Londres - A Líbia espera oferecer licenças de petróleo mais flexíveis e menos punitivas no ano que vem, com base em uma nova lei de hidrocarbonetos que está em fase de elaboração, disse o presidente da estatal de petróleo do país, National Oil Corporation (NOC), nesta quinta-feira.

Empresas estrangeiras frequentemente reclamam que termos contratuais punitivos, além de questões de segurança, representam barreiras contra o investimento no setor de petróleo da Líbia.

O novo presidente da NOC, Mustafa Sanallah, disse em uma conferência de óleo e gás em Londres, que "uma vez que o projeto [de uma nova lei do petróleo] esteja pronto e tivermos um governo permanente, vamos fazer uma nova rodada de licitações". "Esperamos que no próximo ano a situação seja muito clara", disse ele.

Entretanto, a Líbia tem sofrido uma escalada de violência depois que o conflito entre as forças do governo e os rebeldes se intensificou. Militantes leais ao general renegado Khalifa Haftar estão questionando a legitimidade do atual governo. Homens armados leais a ele atacaram o edifício do Parlamento em Trípoli há duas semanas para exigir uma transferência de poder e bombardearam nesta quinta-feira redutos islâmicos no leste da Líbia. Fonte: Dow Jones Newswires.