Suzuki confirma transferência de produção de Itumbiara para Catalão, em Goiás

Economia

Suzuki confirma transferência de produção de Itumbiara para Catalão, em Goiás

Redação Folha Vitória

São Paulo - A Suzuki confirmou oficialmente nesta quarta-feira, 06, que vai suspender as operações na unidade instalada em Itumbiara (GO) e transferir a produção para a fábrica da Mitsubishi, coligada da marca no País, em Catalão (GO), a cerca de 200 quilômetros de distância. A informação foi antecipada ontem pelo Broadcast, serviço em tempo real da Agência Estado.

Em nota, a empresa explicou que a mudança faz parte de uma "reestruturação" do modelo de produção, "em busca do máximo de eficiência, devido ao momento atual do mercado, no qual os custos têm crescido e o mercado automotivo segue retraído". A empresa não comentou o destino dos trabalhadores.

A montadora só comunicou a mudança oficialmente aos funcionários ontem, após reunião com o Sindicato dos Metalúrgicos de Itumbiara. De acordo com o presidente da entidade, Flávio Caetano, até então os trabalhadores só sabiam da transferência por meio de "boatos".

O dirigente sindical disse que os cerca de 100 trabalhadores da linha de produção de Itumbiara serão "convidados" a se transferir para a unidade em Catalão. "Os que não aceitarem a proposta serão demitidos e indenizados pela empresa", comentou.

Com a mudança, os modelos jipe Jimmy voltarão a ser totalmente fabricados em Catalão. Até então, os veículos começavam a ser produzidos na fábrica da Mitsubishi e eram finalizados em Itumbiara.

A fábrica

A fábrica da Suzuki em Itumbiara foi anunciada no Salão do Automóvel de 2010, como um investimento de R$ 150 milhões, para uma produção anual de 7 mil unidades. A unidade estava pronta desde o segundo semestre de 2012, mas só foi inaugurada no ano seguinte.

Durante o período, a montadora utilizou a fábrica em Catalão da Mitsubishi para produzir o Jimmy. As duas marcas são representadas no Brasil pelo grupo Souza Ramos e pelo BTG Pactual.